Post Page Advertisement [Top]

O escolhido da equipe que é a eneacampeã de pilotos na USF2000 é o americano estreante Josh Green. A equipe Miller Viantieri Motorsports também escolheu seu segundo e último piloto.


Anunciado na quinta-feira passada (9 de janeiro) o primeiro piloto da Cape Motorsports, a equipe que coroou os últimos nove campeões da USF2000, e o escolhido é o americano Josh Green.

Green tem apenas 17 anos de idade, começou no kart em 2015 e subiu aos monopostos apenas esse ano, correndo a F-Ford 1600 pela Team Pelfrey. Foi uma boa temporada na 1600, terminando a temporada no vice-campeonato com oito vitórias e dezoito pódios. Ele ficou atrás apenas de Jonathan Kotyk, que testou esse ano pela Legacy Autosport.

Green também foi o vencedor do Team USA e, junto com o próprio Kotyk, foi selecionado para representar os Estados Unidos no Formula Ford Festival, conseguindo ficar no Top 10 em um fim de semana com mais de trinta carros. Green, no fim do ano, também correu uma etapa da USF2000 pela Jay Howard Driver Development, correndo a rodada dupla de Portland; conseguindo um top 10 na corrida 2.

Não é um currículo que enche os olhos o de Josh Green, e o americano de apenas 17 anos consegue a vaga mais desejada da Cape Motorsports. Não parece, mas isso já deu certo antes com Braden Eves, Petri Suvanto, Scott Hargrove e até mesmo Matthew Brabham, quando todos esses não tinham grandes currículos antes de entrar na Cape Motorsports e todos saíram como campeões no primeiro ano na equipe. A USF2000 é apenas o primeiro passo do Road to Indy e muitos estão ainda formando as bases de suas carreiras e Josh Green, mesmo sem tanta experiência e com um currículo menor que muitos outros na categoria, passou na frente de todos eles conseguindo a principal vaga de toda a categoria.

Agora o que Josh Green conseguirá fazer com essa posição, temos de aguardar para saber!


Em paralelo, em 23 de dezembro do ano passado foi anunciado o segundo piloto da Miller Vinatieri Motorsports, e é o americano Max Kaeser. Kaeser também tem apenas 17 anos e, depois de correr no Kart por dois anos e fazer a Lucas Oil Racing School, vinha correndo nas categorias da SCCA no meio oeste, como F-Ford 1600, Fórmula F e Formula Enterprises, sendo campeão local em 2018 e 2019.

Max Kaeser é um piloto praticamente desconhecido e que não foi muito bem no único treino coletivo que fez na USF2000, o Chris Griffis Memorial Test. Isso, em conjunto com a Miller Vinatieri Motorsports, que é uma equipe pequena e que estreou apenas no ano passado na USF2000 e o fato de seu companheiro ser o filho de um dos donos, Jack Miller, jogam muito contra Kaeser.

Mas... como disse acima, nunca se sabe. O piloto é jovem e praticamente desconhecido, pode surpreender. Ainda mais na USF2000, a categoria mais propícia a surpresas. Apesar da CApe Motorsports ganhar o campeonato todo ano.



Confirmados na temporada 2020 da USF2000:

Exclusive Autosport: Prescott Campbell, Manuel Cabrera.
Legacy Autosport: Cameron Shields.
Miller Vinatieri Motorsports: Jack William Miller, Max Kaeser

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]