Treinos coletivos do Road to Indy

Fim de janeiro é a época onde todos os pilotos vão para perto da praia e ficam treinando em pistas como Daytona (misto, óbvio), Palm Beach, Homstead, Sebring, The FIRM, Jennings e outros lugares que até deus nunca ouviu falar, só pra ficar dando voltas com os carros que eles correrão (ou não) futuramente.

(Não) Veremos ele no oval novamente.

Nessa semana, as categorias do Road to Indy treinarão nessa semana, e as pistas da vez são o Palm Bitch Beach International Raceway (PBIR) e o Homstead-Miami Speedway (HIS). Os treinos vão dos dias 25 a 29 de janeiro e todas as três categorias do Road to Indy participam (USF2000, Pro Mazda e Indy Lights, caso tu não saiba).

O misto horrível de Homstead será a nova casa dos jovens pilotos.
Os treinos dessa vez começaram um pouco mais tarde (geralmente começam em dezembro) porque sim houve uma pequena redução no número de treinos coletivos da Pro Mazda e USF2000, e a Indy Lights, que teria seu primeiro treino em dezembro, só correu com os novos IL-15 no meio de Janeiro por alguns imbróglios envolvendo os motores.

Pois bem, vamos as datas:  A Pro Mazda e a USF2000 treinam juntinhas no dia 25 (dominguera) no PBIR e dia 28 no misto do HIS, enquanto a Indy Lights fica apenas em Homstead, treinando nos dias 26 e 27 no misto e dia 29 no oval. é a primeira vez que o IL-15 tem um treino coletivo em oval. Confira os entry list de cada categoria:

USF2000

Entry List da USF2000: Error (404)
Não tem no site oficial, olha que maravilha!!
Mas sabemos que o brasileiro Victor Franzoni estará presente e, muito provavelmente, será o único brasileiro a correr nesses testes.

Pro Mazda

Latifi é o piloto aleatório do treino.
Somente quatro equipes e dez carros participam dos treinos (a não ser que alguma equipe chegue de última hora). A situação piora um pouquinho, pois a Andretti Autosport vai treinar apenas em Palm Beach, enquanto os pilotos da Cape Motorsports feat. Wayne Taylor Racing pilotam apenas em Homstead, ou seja, apenas duas equipes participarão de todos os dois treinos.

Entry List
A Juncos Racing vai com os seus quatro pilotos já confirmados: o veterano Garett Grist, que migrou
da Andretti; e Jose Gutierrez, que permanece na equipe; e os novatos Timothé Buret e Will Owen. 

A Andretti vai para o PBIR com sua dupla confirmada: Dalton Kellet (que saiu da Team Pelfrey) e o malaio Weiron Tan. A Cape vai com o seu piloto confirmado (o estreante Daniel Burkett) e seu piloto não confirmado mas que corre tanto pela equipe e foi campeão da USF2000 então tem dinheiro pra bancar uma temporada na Pro Mazda (Florian Latorre).

A última equipe é a surpreendente M1 Autosport (que era M1 Racing até ontem mesmo e mudou de nome para fugir da receita federal sem motivo aparente), que nunca aparece em treinos coletivos, levará dois pilotos completamente aleatórios: Nicholas Latifi (que virou Nicholas Latfi no entry list oficial), o cara que corre em todas as categorias de monopostos (no ano passado, por exemplo, correu na F3 Europeia, na GP2, na Porsche Carrera Cup, no Florida Winter Series, na F-Renault 3.5 e na Toyota Racing Series), e Carlos Conde que fará a temporada na categoria idosos expert.

Indy Lights.

Mais que Chilton treinando na Indy Lights.
Na Indy Lights, todas as equipes que já confirmaram participação vão testar, com exceção da Team Moore que está vendendo o almoço pra comprar a janta e ainda procura dois pilotos pagantes para seus carros, e enquanto não achar não os tirará da caixa enviada pela Dallara.

Entry List completo. clique para passar a imagem de UV para visível.
A Sam Schmidt Motorsports, agora sem o Peterson pra apoiar a equipe da Indy Lights; A Juncos Racing e a Andretti Autosport correm com seus pilotos já confirmados, e os mesmos que fizeram o último teste a duas semanas atrás. Por isso, pularemos para a parte mais interessante.

A 8 Star Motorsports corre novamente com Scott Hargrove, e a equipe está cada vez mais propensa a correr com o canadense. A questão é se a equipe alinhará um segundo carro para Sean Rayhal, que era o projeto inicial da equipe.

A Belardi Auto Racing corre com dois pilotos: o já confirmado Félix Serralles e o bem próximo a ser confirmado Juan Piedrahita, próximo de conseguir migrar da ex-Schmidt-Peterson para a equipe de Brian Belardi.

E a Carlin finalmente deu o ar da graça e com novidades: além do dubaiense Ed Jones, que já treinou e está confirmado para correr a temporada, teremos a presença de Max Chilton, que definirá se migra mesmo para os EUA após seus 15 minutos de fama na F1.


E é isso pessoas. Caso queiram acompanhar, o site de cada categoria tem o seu respectivo live timing, com os tempos que cada um conseguir. Depois desses treinos teremos mais confirmações sobre os pilotos que correrão a temporada desse ano, e eu conto todas as novidades e os tempos no fim de janeiro (literalmente, dia 31). Até lá!
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário