Post Page Advertisement [Top]

O americano de 18 aninhos fará sua segunda temporada na Indy Lights pela HMD Motorsports, que era a BN Racing antigamente, e agora promete alinhar três carros no grid.


Foi anunciado quarta-feira retrasada (20 de novembro, sim sabemos que estamos atrasados nas novidades, desculpa) o segundo piloto a ser confirmado na temporada 2020 da Indy Lights, e ele é o americano David Malukas, a seguir no #79 da HMD Motorsports.

Malukas tem apenas 18 anos, mas já tem uma carreira considerável no Road to Indy. Depois de ir para a Europa, mas não conseguir avançar mais do que a F4 em terras além do Atlântico, Malukas voltou para os Estados Unidos em 2017, disputando meio campeonato da USF2000 pela BN Racing. Apesar de curta a temporada, o piloto conseguiu um pódio e terminou cinco das nove corridas entre os dez primeiros. Assim, Malukas partiu para a Pro Mazda, levando a BN Racing junto, que também estava estreando na categoria. O ano passado foi particularmente bom para o americano que, mesmo com um carro de equipe média, conseguiu três vitórias e seis pódios mas, com cinco abandonos, ele acabou parando no quarto lugar do campeonato. 

Mesmo assim, novamente, Malukas subiu esse ano para a Indy Lights, levando a BN Racing a tira-colo, com ambos estreando na principal categoria de acesso à Fórmula Indy. Em seu ano de estreia, Malukas steve um ano bem mais regular, abandonando apenas três das dezoito provas da temporada, mas tendo resultados menos expressivos esse ano. O americano conseguiu apenas dois pódios esse ano, e esteve fora do Top 5 em nove provas (o que é bem relevante levando em consideração que metade do campeonato apenas oito carros largaram), terminando o ano na sexta posição, a frente apenas de Dalton Kellett e de Lucas Kohl no campeonato, e ficando mais de 60 pontos atrás de seu companheiro de equipe, Toby Sowery.

No entanto, o americano tem mais uma oportunidade de mostrar melhor desempenho na categoria, principalmente agora que sua equipe está mais estruturada para disputar diretamente com Andretti e Juncos na briga por vitórias.

A HMD Racing, na verdade, até agosto desse ano, se chamava BN Racing. A equipe de John Cummiskey passou por uma série de reestruturações, principalmente pelo fato da equipe ter se expandido tanto desde que estreou, em 2017. A ideia inicial era seguir apenas na USF2000 e, nesse ano, alinhou dois carros também na Indy Lights e, para o ano que vem, pretende expandir e correr também na Indy Pro 2000. Com isso, conseguiu uma grande parceria com a HMD, que vinha patrocinando a equipe na Indy Lights.

Agora é aguardar para ver o quanto essa parceria dará frutos. Logo após a formalização das mudanças, a equipe já conseguiu o seu primeiro pódio em Gateway, além de duas vitórias em Portland. Será que a HMD terá condições de brigar com Juncos e Andretti e subir prasa cabeças da Indy Lights? Aguardemos!!


Confirmados até o momento na Indy Lights:

Andretti Autosport: Robert Megennis.
HMD Motorsports: David Malukas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]