Especiais do Indy Center

Atividades da Indy acontecem neste sábado (06). Bandsports e DAZN transmitem a prova ao vivo
Olá fãs Indyanistas!!! Finalmente a temporada 2020 da Fórmula Indy vai começar! Pela primeira vez a abertura do campeonato será no oval do Texas Motor Speedway (TMS). Diferentemente do tradicional, a Indy não estará acompanhada da NASCAR Truck Series no fim de semana em função da pandemia de Covid-19 que modificou o calendário de corridas da NASCAR. Uma triste constatação é que por causa da pandemia, a prova do Texas foi reduzida de 248 para 200 voltas e depois dessa etapa, ficaremos quase um mês sem Indy de novo... #Genesys300

Informações da pista


O Texas Motor Speedway é um circuito oval localizado entre a cidade de Fort Worth e o condado de Denton, no estado do Texas. Com 1,5 milha de extensão, a pista é conhecida pela inclinação considerável nas curvas 3 e 4, com 24°. Em 2017, para melhorar a drenagem do asfalto, foi feito um recapeamento e uma reconstrução das curvas 1 e 2, que agora possuem apenas 20° de inclinação.

A história da IRL com o TMS começou em 1997. A partir de 1998, a Indy começou a realizar duas corridas por ano no local, geralmente a segunda prova era a decisão do campeonato, e foi assim até 2004, quando desde então, só ocorre uma prova por ano. A CART tentou correr no TMS em 2001, porém em virtude das altíssimas velocidades atingidas não foi possível realizar a corrida. Tal condição extrema gerava muita força G, que poderia causar desmaios de pilotos. Por pressão dos próprios pilotos, a direção da CART optou pelo cancelamento da etapa para não comprometer a integridade dos pilotos.

Durante a era do pack racing, que nasceu na pista do Texas em 1998, o circuito proporcionou algumas das chegadas mais marcantes da história da Indy. A mais icônica até hoje, foi registrada em 2016, quando Graham Rahal venceu com apenas 0,0080s de vantagem para James Hinchcliffe, esse foi o quinto photo finish mais apertado da história da Indy.

O circuito também ficou famoso por registrar acidentes fortes na história da Indy. Foi o caso da decisão de 2003, quando Scott Dixon levantou seu primeiro caneco, e Kenny Bräck sofreu o acidente com maior força G sem causar letalidade na história. Mais recentemente em 2016, Josef Newgarden fraturou uma mão ao ser coletado por uma rodada de Conor Daly e em 2017, Tony Kanaan patrocinou um big one de 8 carros.

O maior vencedor do Texas é Hélio Castroneves com 4 vitórias em 2004, 2006, 2009 e 2013, enquanto que no grid atual, Scott Dixon tem 3 vitórias (2008, 2015 e 2018). O recorde extra oficial da pista pertence a Paul Tracy, em treino para a corrida da CART em 2001 (aquela mesmo que foi cancelada) com 236.678 mph de média, apesar disso, este registro não é padronizado com a medição da IRL. Portanto o recorde oficial é de Billy Boat na classificação da segunda corrida de 1998, com 225.979 mph.

Confira o Spotter Guide para a etapa do Texas:


Horários e previsão do tempo


A previsão do tempo aponta céu limpo, clima quente e poucas chances de chuva para a corrida.


A transmissão dos treinos e da corrida serão no serviço de streaming DAZN enquanto no Bandsports haverá somente a transmissão da corrida. O Grupo Bandeirantes conseguiu adquirir os direitos para a temporada de 2020, nos últimos dias. Todas as atividades da Indy terão live timing e transmissão ao vivo da IndyCar Radio Network no Race Control e no app IndyCar Mobile.

Confira a programação abaixo, já com todos os horários convertidos para o fuso de Brasília!

Sábado (06 de junho de 2020)
14h00 - 17h00: Treino Livre #1 da NTT DATA INDYCAR SERIES - Transmissão no app NBC Sports Gold, somente no EUA e em streaming no site da DAZN para o Brasil

Sábado (06 de junho de 2020)
18h00 - 19h00: Treino Livre Classificatório da NTT DATA INDYCAR SERIES - Transmissão no canal NBCSN, somente no EUA e em streaming no site da DAZN para o Brasil

Sábado (06 de junho de 2020)
20h30 - 21h00: Pré Corrida - Transmissão no canal NBCSN, somente no EUA

Sábado (06 de junho de 2020)
21h00 - 23h00: THE GENESYS 300 (200 VOLTAS) -  Transmissão ao vivo no canal por assinatura Bandsports e em streaming no site da DAZN para o Brasil e no canal NBC para o EUA

Sábado (06 de junho de 2020)
23h00 - 23h30: Pós Corrida - Transmissão no canal NBCSN, somente no EUA

Nenhum comentário:

Postar um comentário