Novidades da USF2000 para 2015

Desde o ano passado, um bocado de coisa mudou na primeira categoria de base do Road to Indy. Equipes novas, pilotos novos ou nem tanto estão na categoria, mas as marcas do ano passado ainda estão na USF2000.

Sim, a melhor equipe do mundo continua na categoria!
Pois, infelizmente fui obrigado a relegar um pouco a fantástica USF2000 por falta de tempo divido aos videogames à faculdade, mas já é hora de reparar esse erro terrível, faltando um pouco mais de dois meses para a temporada começar e um mês para o Winterfest, o torneio de inverno do Road to Indy.

A campeã do ano passado já está completamente definida.



A Cape Motorsports with Wayne Taylor Racing já está completamente definida para esse ano. Depois de passar alguns apuros e conseguir o título com um piloto contratado na terceira etapa, a equipe vem com uma dupla muito mais forte que o trio do ano passado.

Os pilotos que correrão pela equipe na USF2000 serão os já veteranos Nico Jamin e Aaron Telitz. O francês estreou no automobilismo americano o ano passado, pilotando pela Belardi até metade do campeonato e depois migrando para a Pabst;  terminou o campeonato do ano passado fazendo um pódio e um bocado de corridas entre os dez primeiros.  Telitz foi o novato do ano na USF2000, e pilotando pela sempre meio de grid Arms Up conseguiu a única vitória da equipe na USF2000.

Ambos tem um potencial enorme para desenvolver, e a Cape Motorsports with Wayne Taylor Racing é o lugar perfeito para esse tipo de piloto mostrar trabalho.

Equipes "novas": Swan Racing, Team Pelfrey, John Cummiskey Racing e MDL Racing

E teremos nomes novos nos motorhomes e nos pits da USF2000.
Esse monte de carrinhos podem pintar em 2015.
A principal delas é a Swan Racing. Equipe que disputou a Fórmula Atlantic e mais uma pá de categoria na SCCA, a equipe de Mirl (sim, esse é o nome dele) Swan comprou parte da estrutura da Belardi Auto Racing e conseguirá alinhar três carros para esse ano, já no Winterfest que começará em fevereiro.

A Team Pelfrey, equipe que correu na pro Mazda e foi uma das apoiadoras da volta de Jacques Villenevue para a Indy 500 também alinhará três carros nesse ano. A equipe tem quatro carros na Fórmula Ford 1600, e pensa em colocar alguns dos seus pilotos para subir a Road to Indy.

A John Cummiskey Racing, equipe da empresa restauradora de carros que tem o mesmo nome (retirando o 'racing') alinha um de seus carros em uma ou outra corrida desde 2012, mas partirá para dois carros o ano todo. A equipe treinou com dois pilotos da F-ford Australiana (naquele programa louco do Dan Andresen, lembram?) e um deles Anthony Martin, já acertou para correr na USF2000 esse ano. Resta saber se Jordan Lloyd, o outro australiano a testar, tambéma ssinará com a equipe.

E, por fim, temos a MDL Racing. Na verdade, não sabemos se ela vai correr, mas há uma história por trás disso:

Matthew Di Leo é um piloto que tem dinheiro, ou seja, quando não consegue uma vaga no certame normalmente, ele funda sua própria equipe. Assim o fez em 2012, quando decidiu correr na USF2000, sem muito sucesso.

Dois anos e meio depois, Matthew di Leo vê dois chassis da USF2000 parados em sua garagem e pensa: porque não os uso?? foi correndo para o twitter (que todos sabemos que é a melhor plataforma para se contratar pilotos e publicou isso:


E é isso, dois chassis de USF2000 pintado na horrível combinação de verde e bege estão vagos. Quem será que os ocupa??

O fundo do grid de 2014 continua nesse ano.


Todos da D2D em uma só foto,
incluindo o dono da equipe (de chapéu)
Quem viu as corridas/live timing/resultados percebia um padrão nas provas: vinham sempre um monte de carros e sempre por último, mais de dois segundos por volta mais lento que o penúltimo, passavam três carros: dois da M2 Autosport e Um carro da D2D Motorsports. bem, eles continuam esse ano.

A equipe colombiana anunciou nessa semana (mais exatamente anteontem) que continua com dois carros, e um dos pilotos que correu o ano passado, o também colombiano Santiago Lonzano, continua na equipe. A M2 Autosport também corre em algumas categorias de Late Models da IMSA e da SCCA, com esses mesmos pilotos.

A D2D também confirma por meio da sua página no facebook que não tem nem 100 curtidas que continuará na USF2000, e com tudo igualzinho: o mesmo Andrew List correndo, o mesmo Joel List comandando a delícia, os mesmos cinco caras contratados pra trabalhar no carro e em tudo o mais, e alguns outros membros da família List para fazer o resto que sobra.

Mais pilotos confirmados

Além dos já referidos pilotos da Cape Motorsports, de Anthony Martin na John Cummiskey Racing e do fundo do grid, tivemos mais uma confirmação.

A JDC Motorsports, equipe que corre na Pro Mazda e também na TUSCC, vai correr com dois carros (no mínimo) na USF2000.

Um deles será Parker Thompson. o canadense de 17 anos saiu do Kart ano passado e testou pela equipe no Chris Griffis Memorial Test em setembro, e é o piloto mais novo no grid até o momento.

A Arms Up Motorsports realizou treinos privados com quatro pilotos nessa semana (20 de janeiro) em Sebring: os Veteranos James Dayson (de 37 anos!) e Keyvan Andres Soori (que fez a façanha de passar despercebido mesmo correndo na Cape Motorsports); e os novatos Max Hanratty e Skylar Robinson, que eu não posso falar mal pois não conheço seus retrospectos.



Mas a USF2000 não vai parar por aí! Ainda temos muita coisa pra ver: quem vai desafiar a toda-poderosa Cape Motorsports esse ano? Será que a Afterburner Autosport vai vir com 666 carros como no início do ano passado (que não deu certo) ou com apenas dois (como ficou a maior parte do ano)? Quem corre no vestibular da ArmsUp? a Pabst vai fazer alguma coisa sem o dinheiro do filho do Tim cindric correndo na equipe? E a JAY Motorsports, alguém viu alguma novidade dela, ou será que vai pro limbo Junto com a Belardi e a Team E Racing? Quem vai ser o piloto mais novo dessa vez? Aquele programa com a Rotax Challenge vai dar certo e alguém vai correr na USF2000?

E a pergunta principal: teremos um brasileiro na categoria? Victor Franzoni testou pela Afterburner em setembro, mas desde então sem novidades. Aguardemos que esse teste dias 26 a 29 de janeiro promete muito!
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário