Especiais do Indy Center

A IndyCar Series decidiu cancelar a abertura da temporada, que aconteceria neste domingo (15) nas ruas de São Petersburgo. Além disso, a categoria também suspendeu outras três corridas da parte inicial da temporada, abrangendo o GP do Alabama, GP de Long Beach e o GP de Austin, no Texas. A decisão vem em resposta para conter a propagação do vírus COVID-19 e se estende até o final de abril.


Com o crescimento no número de casos, a categoria até tentou realizar a corrida em St. Pete com os portões fechados, mas resolveu voltar atrás, emitindo um comunicado explicando a decisão:

Após cuidadosas considerações, incluindo comunicação regular com nossos promotores, oficiais de saúde e administradores municipais de nosso mercado a respeito da Covid-19, tomamos a decisão de cancelar todos os eventos da Indy até o fim de abril. Isso começa já com o GP de São Petersburgo - que deveria começar hoje e terminar no domingo, 15 de março - e vai terminar após o GP do Circuito das Américas, em Austin, Texas, que deveria acontecer no fim de semana dos dias 24 a 26 de abril. Ainda que estejamos decepcionados em adiar o começo da temporada da Indy e iremos sentir falta dos nossos fãs de St. Pete, Birmingham, Long Beach e Austin, a segurança dos nossos fãs, participantes, estafe, parceiros e imprensa sempre virão em primeiro lugar. Vamos continuar a trabalhar em coordenação com especialistas em saúde pública e oficiais do governo para determinar os planos apropriados para retomar nosso calendário.

Caso mais nenhuma alteração ocorra no cronograma, a temporada deverá ser aberta com o GP de Indy, marcado para o dia 9 de maio.

Fonte: IndyCar

Nenhum comentário:

Postar um comentário