Post Page Advertisement [Top]

Em corrida emocionante só que não, o canadense que veio da Indy pra Lights venceu a prova curta da categoria de ponta a ponta.


E a primeira etapa em St.Petersburg mostra as noviddes que surgiram no Road to Indy, incluindo as que aconteceram aos 45 do segundo tempo, entre o fim de semana passado e o da corrida em si. 

Entre elas, veio a confirmação do segundo carro da BN Racing, a equipe estreante, até semana passada, tinha apenas o também estreane David Malukas no plantel da equipe e, desde o fim de semana passado, Toby Sowery entrou na equipe, que fez uma parceria com a antiga Team Pelfrey (a Pelfrey fornece o carro e os equipamentos, enquanto a BN os opera).

Outra grande mudança recente foi a estreia de Julien Falchero. O argentino vinha fazendo carreira na Europa, mas depois de duas temporadas na GP3, Falchero mudou de ares e se voltou para os EUA; veio fazendo toda a pré temporada com a Andretti Autosport mas algo deve ter dado errado no acordo e o time de Michael Andretti decidiu não abrir um quarto carro para o argentino. Sem muitas opções, Falchero entrou no terceiro carro da Belardi Auto Racing, sendo companheiro de equipe de Zachary Claman de Melo (que já esteve meia temporada na Indy principal) e do brasileiro Lucas Kohl, que estreia na categoria após três temporadas na USF2000.
Não é a Team Pelfrey, é a BN Racing.
No treino livre de sexta-feira a Andretti Autosport continuou a exercer sua dominância vista na temporada passada, e fez 1-2 com Ryan Norman tendo o melhor tempo, com Oliver Askew logo atrás, a quase três décimos de distância dos outros pilotos. Esses outros pilotos incluem Zachary Claman (sem o "de Melo" agora, sabe-se lá o motivo) e David Malukas, que foram os dois únicos pilotos a quebrarem a trinca da Andretti fazendo o terceiro e quarto lugares, respectivamente, e ficando a frente de Robert Megennis, o outro piloto da Andretti.

Lucas Kohl acabou ficando em último no treino livre, meio segundo mais lento que Dalton Kellett que, normalmente, é o piloto que estaciona no último lugar. Mas, pelo lado positivo, o gaúcho conseguiu dar 32 voltas no treino de 45 minutos, que é um número maior de voltas que ele conseguiu dar em toda sua pré-temporada somada, para você ter uma ideia do tanto de problemas que ele enfrentou nessa pré-temporada.
Lucas Kohl em sua estreia.
Na sexta à tarde foi o treino classificatório para a primeira prova, em uma sessão de meia hora. E, para aqueles leitores que estão chegando a essa área de treino classificatório da Indy Lights pela primeira vez, a estratégia é sempre a mesma (a naõ ser que chova): Os pilotos usam pneus mais gastos nos primeiros quinze minutos de treino (alguns estendem para vinte minutos, a fim de economizar pneus para a corrida ou por qualify 2), vão para os boxes e colocam pneus novinhos para o resto de tempo do qualify.

Na primeira metade, Claman era o mais rápido, seguido por Askew, VeeKay, Malukas e Toby Sowery. Lucas Kohl teve problemas, principalmente com a curva quatro, onde chegou a tocar a asa dianteira no muro e teve de trocá-la. Depois disso, a maioria foi para os pits para os pneus novos, Robert Megennis foi o primeiro e, em sua volta, assumiu a pole. Essa liderança durou 30 segundos, com Askew fazendo tempo quase meio segundo melhor. Essa liderança durou um minuto, com Claman fazendo um tempo três décimos melhor. Essa liderança durou até o fim do treino e o canadense conseguiu a pole (a quarta pole da Belardi Auto Racing em seis corridas da Lights em St.  Pete).

O segundo lugar passou pelas mãos de Megennis, Askew e até mesmo Malukas, mas Toby Sowery veio do nada e colocou seu BN/Pelfrey na primeira fila faltando quinze segundos pro fim do treino, deixando Askew em terceiro, Malukas em quarto e Megennis em quinto.

Lucas Kohl mostrou sinais de grande melhora quando ficou quase toda a segunda metade do treino em nono mas, no minuto final, Kellett fez uma volta um décimo melhor que o gaúcho, e Kohl terá de largar de décimo na sua corrida de estreia na Lights:

Indy Lights Grand Prix of St. Petersburg Presented by Cooper Tires Race 1

A largada foi bem tranquila e sem incidentes. Claman, Sowery e Askew largaram muito bem e mantiveram suas posições. VeeKay largou muito bem, passou Malukas ficando na linha de fora da curva um e chegou a ficar lado a lado com Malukas, mas ficou com o quinto lugar apenas.

A corrida comia solta lá na frente mas, mais no fundo do grid, tinha uma disputa ferrenha sendo travada. O brasileiro Lucas Kohl vinha pressionando Dalton Kellett para superar o fim do grid até que, na volta 17, o brasileiro conseguiu colocar por dentro do canadense na curva um e o ultrapassou. Kellet tentou aproveitar o momento de estar perto de Kohl e forçou para tentar passar na curva quatro, mas não conseguiu colocar por dentro do brasileiro e nem conseguiu frear, indo parar na área de escape da curva quatro e perdeu meio minuto no processo de voltar à pista.

Lá na frente nada aconteceu. Zachary Claman, que largou na pole, vence! Toby Sowery, que largou em segundo, chegou em segundo, e Oliver Askew, que largou em terceiro, chegou em terceiro!

Resultados, pódio e o tiozão entregando troféu com roupa pra ir pescar logo depois.

E... Bem, é isso para a corrida 1! A próxima prova acontece amanhã ao meio-dia. Até lá!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]