Post Page Advertisement [Top]

As primeiras imagens do para-brisas da IndyCar, que fará sua estreia nos testes na próxima semana no oval de Phoenix, foram finalmente reveladas.

O dispositivo de segurança do cockpit, projetado pela categoria e desenvolvido com a Dallara, tem sido trabalhado há mais de um ano através do uso de simulações computacionais, e simuladores de condução.


Feito de um material transparente chamado Opticor produzido pela PPG, o para-brisas foi projetado para ser mais durável do que os policarbonatos usados ​​em testes realizados por outras categorias.

Contrastando o "Halo" da F1 que faz uso de tubos compostos que se elevam sobre o cockpit, o para-brisas da Indy é afixado de forma envolvente para a abertura do cockpit - semelhante a um para-brisas de motocicleta curvo - com o propósito de parar e desviar objetos que venham na direção do capacete do piloto.


"Este foi um longo processo, que tem sido muito metódico e proposital", disse Jay Frye, presidente de operações da IndyCar. "Nós nos esforçamos para criar uma peça de segurança que esteticamente pareça bonita e que funcione em todas as condições. Qualquer peça que colocamos em um carro da Indy deve funcionar para vários tipos de locais e diferentes condições de iluminação. Tem que ser versátil".


A criação do para-brisas da IndyCar vem na sequência da morte de Justin Wilson na corrida de Pocono de 2015, onde foi atingido no capacete a quase 200 mph por destroços do carro de Sage Karam que havia se acidentado antes. A aleatoriedade da fatalidade de Wilson, juntamente com a morte em 2011 de Dan Wheldon, cujo capacete exposto atingiu um poste de aço, levou ao desenvolvimento do protetor do cockpit.

"Todos aceitamos os riscos, mas acho que, ao proteger o cockpit, não vamos eliminar o perigo, mas sim colocar o controle nas mãos do motorista. Quando estamos correndo, aceitamos que se cometermos um erro , perdemos o controle, então temos esse controle de quão longe podemos forçar e quão perto ficamos do perigo", disse Stefan Wilson, o irmão mais novo de Justin Wilson.


Não foi estabelecida uma data para o possível uso do para-brisas em uma corrida da IndyCar.

Fonte: IndyCar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]