Post Page Advertisement [Top]

O carro pilotado por Robert Wickens durante toda a temporada não dará as caras em Gateway, enquanto Gabby Chaves volta para o carro da Harding Racing
James Hinchcliffe seráo único representante da Schmidt-Peterson esse fim de semana.
Nesse fim de semana acontece a Bommarito Automotive Group 500 presented by Valvoline, no sábado a noite em Gateway com relação aos 22 pilotos que largaram em Pocono.

A primeira delas não é bem uma novidade, mas Gabby Chaves voltará ao volante do #88 da Harding Racing em Gateway. Chaves correu as onze primeiras provas do ano pela mesma equipe, onde o colombiano conseguiu como melhor posição um 14º lugar em St. Pete e o repetiu nas 500 milhas de Indianápolis.

No entanto, o amor entre ele e a equipe de Mike Harding e Brian Barnhart parecia ter acabado após seu primeiro abandono do ano, quando o carro, segundo o próprio Chaves, estava inguiável. 

Daly não correrá na Indy para correr na Xfinity
Para substituir Chaves, a Harding Racing chamou o americano Conor Daly. Nas três corridas do novo casamento Daly-Harding durou três corridas, obtendo como resultado um 13º em Toronto, um 22º em Mid-Ohio e foi o último a abandonar em Pocono.

Entretanto, o casamento foi momentaneamente interrompido pois, antes mesmo de Daly entrar na Harding, o americano acertou para correr a etapa da NASCAR Xfinity em Road America pela Roush Fenway, e o fim de semana da prova bateu no calendário da Indy com a prova em Gateway. Com isso, a Harding lembou de seus melhores resultados alcançados (o quinto lugar no Texas e o top 10 na Indy 500 de 2017) e chamou Gabby Chaves de volta nesse fim de semana.

Chaves foi o 21º piloto a ser confirmado em Gateway, e não haverá mais carros no grid.

A Schmidt-Peterson, em um breve comunicado, confirmou que não haverá substituto para o canadense para a 15ª prova do campeonato, com a equipe tendo James Hinchcliffe como único representante. O piloto do carro #5 sofreu ferimentos leves em suas mãos, mas foi autorizado a correr no oval de 1,25 milhas, ao contrário de Robert Wickens, que ainda está internado no Leigh Valley Hospital, em Cedar Crest. 

Especulou-se rapidamente para essa vaga o piloto Zachary Claman de Melo, já que o canadense, a exemplo de Lance Stroll, tem bastante dinheiro e sempre ânimo para comprar uma vaga e correr na Indy. Mas a equipe de Sam Schmidt, que teve sua carreira de piloto interrompida em um acidente forte no Walt Disney World Speedway, optou deixar o #6 vago nesse fim de semana numa espécie de homenagem. Gostamos.

A Bommarito Automotive Group 500 presented by Valvoline acontece nesse sábado à noite. Todos os detalhes de horários e transmissão você pode conferir nesse link aqui. Até mais!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]