Post Page Advertisement [Top]

Americano da Penske rouba primeiro lugar de Dixon na última tentativa do Fast Six e larga na frente pela quarta vez na temporada. Matheus Leist larga em 12º e Tony Kanaan em 15º. Largada ocorre neste domingo (15), às 16h30 com transmissão ao vivo do Bandsports.

Olá pessoas! O treino classificatório em Toronto começou com chuva leve no circuito  de rua montado no Exhibition Place. E como de costume, a Indy separou os pilotos em dois grupos, como você pode ver na imagem abaixo:


Como dito no parágrafo anterior, o Grupo 1 foi para a pista com ela molhada, o suficiente pros pilotos andarem com bastante cautela, sobretudo nas partes da pista que são cobertas por concreto. Isso custou a Sébastien Bourdais e Tony Kanaan, que não conseguiram avançar à segunda parte do treino e largarão lá de trás amanhã em Toronto.

No final do tempo para o grupo 1, Scott Dixon foi o mais rápido, seguido por Alexander Rossi, Jordan King, Conor Daly, Josef Newgarden e James Hinchcliffe.

O segundo grupo entrou na pista com ela uma pouco mais seca, já que havia parado de chover, mas os pilotos ainda encontravam dificuldades para registrarem tempos rápidos. Ao final do treino, Zach Veach passou por cima da zebra e rodou na última curva, gerando bandeira amarela local. O piloto também foi punido com a perda de seu último tempo rápido e ficou de fora do Round 2.

No final do tempo para o grupo 2, Will Power foi o mais rápido, seguido por Ryan Hunter-Reay, Simon Pagenaud, Takuma Sato, Robert Wickens e Matheus Leist, que se beneficiou da cagada de Veach e avançou ao Round 2.

A segunda etapa do treino classificatório já contava com uma pista bastante seca, quase no padrão ideal para se marcar voltas rápidas. James Hinchcliffe, piloto da casa, acabou, no final do treino, cometendo o mesmo erro de Zach Veach e rodou na saída da última curva, custando ao canadense uma penalização e perdendo seu último tempo rápido. O piloto da casa ainda tentou uma última volta, mas não conseguiu ir além da nona posição.

No final do Round 2, Scott Dixon foi novamente o mais rápido, seguido por Hunter-Reay, Pagenaud, Newgarden, Rossi e Power. Os três da Penske, um da Ganassi e dois da Andretti no Fast Six.

E então veio a parte final. Com a pista já bem seca, os pilotos viravam na casa dos um minuto cravados em Toronto. Scott Dixon foi o primeiro a fazer a volta na casa dos 59 segundos e era seguido de perto pelo trio da Penske. 

Quando parecia que a pole cairia nas mãos de Dixon, com o tempo de 59.69, Newgarden usou a última tentativa para marcar 59.49, 0.20 segundos mais rápido e conquistar a sua quarta pole position da temporada, a sexta da carreira na Indy. Dixon largará em segundo, Pagenaud em terceiro, Power em quarto, Rossi em quinto e Hunter-Reay em sexto.

Confira abaixo o grid de largada:


A Honda Indy Toronto acontece neste domingo (15), a partir das 16h30, com transmissão ao vivo do Bandsports. Até lá!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]