• Dixon comenta sobre sua primeira experiência com o uso do windscreen

    Scott Dixon deu os seus pitacos sobre sua primeira experiência com o protótipo do windscreen da IndyCar depois de concluir o primeiro teste em prática do dispositivo em Phoenix na quinta-feira (8).
    "É um pouco diferente, olhar através de algo que é tão grosso. Achei que iria estragar bastante com a distorção, mas não há nada disso, sem problemas de reflexos", disse o piloto da Ganassi.

    No entanto, Dixon notou dois efeitos colaterais principais - um bom e um ruim.

    "Você não tem buffeting [instabilidade ocasionada por descolamento do fluxo aerodinâmico ou por oscilações de ondas de choque], o carro parece muito suave, parece que você está em um carro luxuoso bem amortecido".


    "Mas o resfriamento! Precisamos de um pouco de resfriamento, porque você não recebe fluxo de ar através do carro. Parabéns para eles [IndyCar e PPG], mas definitivamente há coisas em que podemos melhorar mais e mais".

    Tentando transferir suas percepções da primeira experiência em Phoenix para outras pistas do calendário, Dixon observou: "Eu acho que será interessante em um circuito misto e de rua em termos de percepção de como você entra", disse. "[Nós precisamos] ver se há algum problema com relação aonde você olha através dele. Mas nada ainda".


    "Visualmente, eu quero ver se você se acostuma mais, porque se sente diferente. Você está olhando para uma quantidade substancial de material e demora um pouco para que seus olhos se ajustem. Quanto mais eu corria, mais eu me adaptava a isso. Seu cérebro e seus olhos só precisam se acostumar. Veremos mais tarde e a noite se isso melhora."

    Dixon disse que iria sugerir que todos os pilotos da IndyCar precisariam se acostumar à nova visão do cockpit.


    "Isso poderia afetar diferentes caras de maneiras diferentes", ele reconheceu. "É quase como algo que todos precisam experimentar antes da IndyCar implementá-lo de forma geral".

    Fonte: Racer/Motorsport
  • POSTAGENS RELACIONADAS

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário