Pro Mazda: a segunda corrida em Laguna Seca foi tão estranha que Nicolas Dapero Venceu

A segunda corrida da Pro Mazda foi completamente atípica. Tivemos uma corrida boa, toque entre líderes, nenhum carro da Team Pelfrey no pódio, briga de pilotos de classes diferentes, quase um carro da categoria Nacional no pódio e, para fechar com chave misteriosa, Nicolas Dapero vencendo.
Completamente insano esse resultado.
A segunda corrida dava mostras de ser mais uma procissão de trinta minutos, com Telitz largando na ponta, seguido por O'Ward na primeira fila, ambos da Pelfrey; os dois disputam o título da Pro Mazda, com Telitz tendo oito pontos de vantagem sobre O'Ward. Nicolas Dapero (Juncos) largava em terceiro, com Will Owen (Juncos) em quarto, Nico Jamin (Cape) em quinto, TJ Fisher (Pelfrey) em sexto, Jake Parsons (Juncos) em sétimo e Joseph Burton-Harris (World Speed) em oitavo.

A largada ia bem, com Telitz mantendo a ponta na entrada do Hairpin, seguido por O'Ward. Mas, no meio da curva, o mexicano se posiciona ao lado de Telitz, surpreendendo o americano, que não dá espaço para seu companheiro de equipe e o faz rodar. O'Ward quebra sua suspensão traseira e se arrasta até os boxes, enquanto Telitz segue firme na ponta.


Com a confusão, TJ Fisher e Jake Parsons assumem o terceiro e quarto lugar, respectivamente. Ambos se aproveitam que Nico Jamin e Will Owen ficam presos e tem de desviar do carro quebrado de O'Ward.

Assim, na primeira volta, Telitz passa na ponta, seguido de perto por Dapero. Fisher, Parsons, Owen e Jamin passam um pouco mais atrás, enquanto Burton-Harris brinca de correr com outros pilotos da classe Nacional e O'Ward fica nos boxes, perdendo três voltas.

O ritmo da corrida foi esse, Telitz e Dapero muito próximos, Fisher segurando Parsons, Owen e Jamin, Burton-Harris e os pilotos da Nacional brincando de correr e O'Ward isolado, até a volta X (de 21 totais), quando Telitz foi julgado culpado pelo toque com O'Ward e foi punido com uma passagem pelo pit lane, caindo para penúltimo, a frente apenas de O'Ward.

Esse foi o maior ânimo da corrida. Telitz se apressou para passar os carros da Nacional e de Burton-Harris, mas eles não estavam muito a fim de pdeixar o americano passar. Quer dizer, Kory Enders e Bobby Eberle pouca resistência ofereceram ao americano, mas Dan Swanbeck e Moisés de la Vara brigaram muito com Telitz, travaram roda e tudo. Para passar Swanbeck, telitz teve que dividir freada e colocar por dentro na Primeira perna do Sacarrolhas, para conquistar o oitavo lugar geral da prova.


Quando Telitz e de la Vara brigavam pelo sétimo lugar da prova, algo mais interessante aconteceu lá na frente.

Na parte que brigava pela ponta da prova. Dapero, exímio piloto de treinos, imprimia bom ritmo com seu carro, enquanto Fisher segurava Parsons, Owen e Jamin atrás de si para ficar com o segundo lugar da prova. Assim se seguiu até a volta X, quando Dapero tinha sete segundos de vantagem para Fisher e todos os outros estavam colados no americano. Fisher retardou a freada no Sacarrolhas para segurar Parsons, mas errou na segunda perna da curva e balançou seu carro; Parsons se aproveitou e colocou por fora de Fisher, o americano não viu e foi para cima de Parsons, com os dois batendo e abandonando. Bandeira amarela.


A relargada foi dada a três voltas do fim, com Dapero em primeiro, seguido de Owen, Jamin, Burton-Harris, de la Vara e Telitz. 

O líder do campeonato ainda brigava para tentar recuperar algum ponto e colocar mais vantagem sobre O'Ward, mas conseguiu ultrapassar de la Vara na reta dos boxes, quando o argentino foi empurrado para a parte suja da pista por Burton-Harris. Telitz ainda tentou ultrapassar o piloto da world Speed atrasando o máximo possível as freadas, mas não conseguiu e teve de se contentar com o quinto lugar, enquanto burton_harris salvava um milagroso quarto lugar, a posição mais alta que a World speed conseguiu atingir desde o quinto lugar de Victor Franzoni em indinápolis, no ano passado.

Lá na frente, pela ponta, dapero conseguiu manter uma distância segura até os metros finais, quando errou na última curva mas conseguiu se manter a frente de Owen e vencer pela primeira vez! Owen passou em segundo e Jamin fechou o pódio!
Resultados e pódio insanos.
Agora, com o quinto lugar e com O'Ward chegando em sétimo (os carros da classe Nacional não contam para a pontuação do campeonato geral), Telitz abre a vantagem para onze pontos, podendo chegar até em terceirolugar na última prova para se sagrar campeão. Será que hoje as noite teremos payback de O'Ward?? Aguardemos! Até lá!!
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário