Indy em Brasília, a novela - capítulo 6: Licitação suspensa.

A licitação (e, por consequência das obras) foi suspensa até segunda ordem, devido a algumas falhas na licitação. Isso é ruim, mas não tão ruim quanto imaginamos previamente.

A licitação da reforma do Autódromo Nelson Piquet, em Brasília, foi temporariamente suspensa pela NOVACAP e foi publicado no diário oficial do distrito na data de hoje (12 de novembro), com a assinatura do assessor de imprensa deles.


Essa suspensão se deve a um laudo produzido por três engenheiros pedido por Renato Rainha, conselheiro do Tribunal de contas do Distrito Federal e que especificaram um monte de falhas no projeto da licitação, incluindo:

  • Solicitaram duas obras no mesmo contrato. Num processo normal, teriam pedido a garibada do autódromo pra receber a Indycar e a reforma geral que duraria o ano todo de forma separada, o que não foi feito.
  • A licitação toda não tinha um projeto-base bem definido.
E o mais óbvio:
  • O projeto mais ou menos definido como base da licitação tinha alguns problemas de ordem financeira:  não havia pesquisa de preço para praticamente nenhum dos serviços e obras, e alguns desses serviços e obras foram cobrados duas vezes ou mais.

Apesar de todos esses problemas no projeto de licitação, não é tão grave assim. A maioria dos processos licitatórios que involvem vários milhões de reais (como é a reforma do autódromo, com orçamento total beirando os R$ 300 milhões) são comuns serem adiados por falhas no projeto, afinal tudo é feito meio "nas coxas" e com muita pressa. 

Claro, é mais um problema que adia as obras que já estão particularmente em cima da hora. Mas os erros já foram encontrados e passados a NOVACAP, para que ela os corrija. Esse problema deve ser contornado nas próximas semanas (espero eu) e a obra pode finalmente ser mais enrolada iniciada de verdade. NÃO SERÁ NECESSÁRIA NOVA LICITAÇÃO, aguardando apenas as correções no projeto para que o Tribunal de Contas do distrito Federal aceite e a licitação (e as obras) possam continuar.

Esse é mais um impecilho na obra, e criado por erros particularmente bestas e já previsíveis. Não creio que sejam esses erros que tirarão a etapa da Indycar no Brasil do Autódromo Nelson Piquet, mas como sempre, estou sendo bastante otimista.

Duas obras, duas licitações, até eu sei disso.  Roubei a imagem do Rodrigo Mattar.

Fonte original das informações:  Jornal coletivo
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário