Gary Bettenhausen (1941-2014)


Filho de Tony Bettenhausen (14 participações na Indy 500 entre os anos '40 e '50) e irmão de Tony Bettenhausen Jr. (11 largadas na Indy 500, um dos fundadores da equipe KV), Gary Bettenhausen, nascido e criado em Illinois, morreu neste domingo (16) aos 72 anos de idade.

Gary no tempo que corria nas dirt tracks.
(Foto: Racer)
Membro de uma das famílias mais conhecidas e respeitadas do open-wheel racing americano, muitos dizem que Gary mostrou seu talento ao mundo quando ele corria nas dirt tracks da USAC. Dizem isso porque Gary ganhou o caneco da USAC em 1969 e 1971 e os campeonatos da Silver Crown Dirt Championship de 1980 e 1983.

Gary também disputou o campeonato da USAC IndyCar, onde venceu seis corridas. A primeira foi no oval de Phoenix, em novembro de 1968.

Em 1974, sofreu um acidente durante essas corridas nos arredores de New York, onde teve seu braço esquerdo parcialmente paralisado. Apesar disso, ele fez 21 largadas nas 500 milhas de Indianapolis.

Gary quebrou faltando apenas 18 voltas para o final.
(Foto: Racer)
Sua melhor participação foi em 1980, quando ele chegou em terceiro após largar em 32º. Em '72, ele liderou 138 das 200 voltas antes de ter problemas de superaquecimento no motor faltando apenas 18 voltas para o final. Sua última participação foi em 1993, onde terminou em 13º. No total, foram quatro Top 10.

"Se ele não fosse tão cabeça dura, teria ganho umas três ou quatro Indy 500", segundo Robin Miller, colunista da Autoweek, Racer e parte da equipe de transmissão da NBC Sports. Aliás, Miller tem várias histórias sobre Gary: "Quando ele sofreu aquele acidente em 1974, o Penske pediu para ele parar de correr, mas daí Gary se recusou dizendo 'se isso foi bom para o meu pai, vai ser bom para mim'. Ele foi demitido na cama do hospital."

Outro fato curioso aconteceu em 1975, logo após seu acidente: "No seu retorno, em uma corrida de Midget, Gary utilizou velcro para prender o seu braço esquerdo ao volante. Ele ganhou a corrida com um braço só! Numa outra corrida, em Sacramento, ele ficou gravemente queimado num acidente em que seu carro pegou fogo, depois quase se afogou pulando no lago pra apagar o fogo. Mais tarde, ele falou sobre correr apenas em IndyCars, todos nós rimos: 'Vinte anos atrasado, idiota'"

Bettenhausen tem, no total, 82 vitórias na USAC. Entrou para o hall da fama da National Sprint Car em 1993 e da National Midget Auto Racing em 1998. Ele também competiu em oito corridas da NASCAR Winston Cup. Como na Indy 500, em quatro delas, terminou no top 10.

Descanse em paz, Gary Bettenhausen (1941-2014)


Fontes: Wikipedia / Indycar.com / Racer / Indy Star
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário