Post Page Advertisement [Top]

O piloto da Andretti Autosport vence a segunda prova em Mid-Ohio e já abre 45 pontos de vantagem para o segundo colocado no campeonato. Lucas Kohl consegue o sétimo lugar na segunda prova.


Iniciamos a segunda metade da temporada 2019 da Indy Lights com uma rodada dupla em Mid-Ohio. Para esse fim de semana, os mesmos nove carros e pilotos que vem largando desde Road America se fizeram presente.

Em Mid-Ohio, por ser um circuito bastante travado e não haver grandes variáveis em estratégia, os treinos se tornam mais importantes do que nas outras etapas. No segundo treino classificatório, realizado no sábado de manhã, Askew dominou a sessão e ficou com a pole da segunda prova, enquanto seus companheiros de equipe, Robert Megennis e Ryan Norman, ficaram na quarta e sexta posição do grid, respectivamente. Os dois foram superados por Rinus VeeKay, que mostrou o porque de ser vice-líder do campeonato ao conseguir a primeira fila, pouco a frente de Toby Sowery, que surpreendeu e conseguiu o terceiro lugar no grid. Mais atrás no grid veio Lucas Kohl, que segue em sua temporada de adaptação a categoria e acabou no último lugar do grid de largada.


Já na corrida, realizada duas horas antes da corrida da Indy, a largada foi conturbada. Askew largou bem e passou a curva um na liderança, com VeeKay em segeundo tendo de se defender de Sowery. 
O grid é tão pequeno que é preciso dar um grande zoom pra dar a impressão de pista cheia.
Pouco atrás destes, Megennis e Dalton Kellett (Juncos) vinham lado a lado na curva um, com Kellett por dentro e o piloto da Andretti por fora. No entanto, na curva um, o piloto da Juncos não conseguiu diminuir a velocidade o suficiente e acabou tocando em Megennis. Kellett passou direto na curva e ficou parado na brita enquanto Megennis rodou e ficou no meio da pista, Malukas quase parou seu carro para desviar da Andretti parada a sua frente, e Telitz passou pela grama, voltando para a pista depois. Bandeira amarela.

A relargada foi dada na volta três (de trinta totais). Askew continuou na liderança, com VeeKay em segundo mas sendo pressionado por Sowery, em terceiro. Norman e Kohl conseguiram desviar do incidente da largada e estavam em quarto e quinto, respectivamente, com Malukas, Megennis, Telitz e Kellett fechando o grid. Na curva quatro, Sowery conseguiu colocar por dentro de VeeKay e subir para o segundo lugar da prova.

Com o passar das voltas e pela falta de bandeira amarela, os carros foram se separando na pista. Askew, se aproveitando da briga pelo segundo lugar, foi se distanciando na liderança, já que Sowery tinha de se defender de VeeKay pelo segundo lugar. Norman vinha mais atrás desses três, e conseguia abrir distância de Kohl, que segurava o resto do pelotão atrás de si.

Logo atrás de Kohl, Megennis e Telitz vinham brigando pelo sexto lugar quando o piloto da Belardi tentou um movimento mais ousado na curva dois e ambos se tocaram. Telitz quase não perdeu tempo mas foi ultrapassado por Malukas, que vinha logo atrás dos dois, enquanto Megennis foi aos boxes para consertar seu carro e perdeuq uatro voltas dentro dos pits.

Quatro voltas depois, Malukas aproveitou o bom momento e conseguiu passar Kohl na curva quatro, assumindo um lugar no Top 5. O brasileiro ainda não tinha grande desempenho no fim de semana, e teve de segurar Telitz e Kellett, e Kohl conseguiu se manter bem, sempre segurando a linha de dentro na reta oposta para ficar em melhor posição de defesa na curva quatro. A ultrapassagem de Telitz veio faltando apenas oito voltas para o fim, quando ele finalmente conseguiu se colocar por dentro de Kohl, frear mais tarde e assumir o sexto lugar. Telitz terminou a corrida em sexto, com Kohl em sétimo e Kellett em oitavo.

Não comentei mais nada lá na frente porquê... bem, nada mais mudou. Malukas completou a prova sozinho em quinto, Norman completou a prova sozinho em quarto, VeeKay bem que pressionou Sowery, mas nunca mais conseguiu emparelhar com o inglês e teve de se contentar com o terceiro posto, enquanto Sowery terminou em segundo e Askew, sozinho, venceu a prova!

Resultados e pódio.

Com as duas vitórias de Mid-Ohio, Askew conseguiu abrir grande distância na pontuação do campeonato, tendo agora 349 pontos contra apenas 304 de VeeKay. Em um campeonat onde a diferença de pontos entre o líder e o nono colocado em cada prova é de cerca de 18 pontos, dá pra dizer que o piloto da Andretti já tem uma mão na taça. VeeKay também já tem uma distância confortável na vice-liderança, abrindo 38 pontos para Norman, o terceiro colocado. Lucas Kohl, com o sexto e o sétimo lugar em Mid-Ohio se manteve no oitavo lugar e conseguiu diminuir ainda mais a diferença para o sétimo, Dalton Kellett, caindo de 16 para apenas 11 pontos.

A próxima prova acontece daqui a quatro semanas, no oval de Gateway e com pontuação aumentada em 50%. SErá que Askew se garante com o título já em Gateway? Aguardemos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]