Post Page Advertisement [Top]

Bastante contestado desde o começo da temporada, Pagenaud brilha na chuva e vence pela primeira vez na temporada
A Fórmula Indy começou sua jornada para o mês de maio com um Open Test no circuito oval do IMS ainda no final de abril. Depois disso, aconteceram os treinos livres e classificatórios para o GP na última sexta-feira. A pole position ficou com o sueco Felix Rosenqvist e completando a primeira fila estava seu companheiro Scott Dixon. Durante o todo o fim de semana o céu estava nublado e a temperatura estava bem baixa. A expectativa era de chuva durante a prova para dificultar ainda mais para os pilotos.

Em uma corrida acima da média, tivemos muitas ultrapassagens, alternância de  estratégias e uma vitória decidida nas últimas voltas. Dois líderes do campeonato acabaram se dando mal e viram um velho concorrente se aproximar na luta pelo título. Ainda teve um brasileiro conquistando o melhor resultado na carreira.

Alexander Rossi tem problemas na largada

Logo na largada, Jack Harvey ultrapassou Scott Dixon. Na primeira curva Rossi sofreu um toque e teve problemas na sua suspensão. Rossi foi para os pits e perdeu 4 voltas durante o conserto. Pato O'Ward foi punido pelo entrevero na curva 1 e pagou um drive through. Na volta 6, Felix Rosenqvist abriu 1.8s de diferença para Jack Harvey. Mais adiante na volta 11, Rosenqvist abria 2.7s quando Marcus Ericsson bateu na curva 14 e chamou a primeira bandeira amarela da prova.

Alguns pilotos fizeram pits na volta 14. A bandeira verde veio na volta 16 e na relargada quem se deu bem foi Dixon que ultrapassou Harvey na reta e depois aproveitou o erro de Rosenqvist e ganhou a liderança logo na curva 1. Ainda na curva 1 quem rodou foi Colton Herta e mais atrás James Hinchcliffe tocou Ryan Hunter-Reay que também rodou. Nova bandeira amarela. O carro de Hunter-Reay conseguiu voltar aos pits e fez reparos para voltar pra corrida. Por outro lado, Herta não teve a mesma sorte e abandonou a prova. O incidente entre Hinchcliffe e Hunter-Reay ficou sob investigação.

Ainda durante a bandeira amarela começou a garoar. A relargada aconteceu na volta 19 e Hinchcliffe pagou um drive through como punição. Ed Jones aproveitou mais a disputa entre Rosenqvist e Harvey na reta e ultrapassou os 2 carros. Ainda na curva 1, Rosenqvist e Harvey se tocaram levemente. Mais atrás no pelotão, Hélio Castroneves ultrapassou Santino Ferrucci que já havia ganho as posições de Josef Newgarden e Will Power. Takuma Sato escapou na curva 1 mas sem causar amarela. Na volta 23, vários carros vieram próximos na reta e trocaram posições. O meio do pelotão estava bastante agitado. Zach Veach atacou Power enquanto era seguido por Newgarden.

Janela de pits mistura várias estratégias

Jack Harvey para na volta 25. Na sequência, muitos pilotos também pararam na volta 26 enquanto Scott Dixon parou na volta 27. Outro grupo de pilotos parou na volta 28. De volta pra pista Jack Harvey ultrapassou Rosenqvist. A chuva apertou um pouquinho. Rahal deu um passeio na grama e na volta seguinte foi pressionado por Sato. Newgarden vinha segurando a liderança desde a parada de Dixon e estava dominando a prova sem sustos. 

Na volta 33, Harvey atacou Ed Jones mas não conseguiu a ultrapassagem. Como havia um grupo de pilotos que estava em estratégia diferente, a disputa entre Hinchcliffe e Matheus Leist já valia pela quarta posição e Hinch levou a melhor. Na volta 36, outra vez Harvey pressionou Ed Jones e novamente não conseguiu a ultrapassagem. Dixon tentava recuperar posições e ganhou a quinta posição ao ultrapassar Leist.
A janela dos pilotos que estavam em outra estratégia começou na volta 39 com a parada de Pato O'Ward. Rosenqvist errou e foi ultrapassado por Pigot e Pagenaud. Na volta 40 entraram Newgarden, Hinchcliffe e Leist. Na volta 41 finalmente Jack Harvey ganhou a posição de Ed Jones. Enquanto isso, Rahal e Sato em comboio atacavam Felix Rosenqvist. Pagenaud também conseguiu ganhar a posição de Jones. Quando Rahal ultrapassou Rosenqvist, Sebastien Bourdais e Hélio Castroneves chegaram nesse pelotão.

Carro de Felix Rosenqvist pega fogo duas vezes

Takuma Sato tentou ultrapassar Ed Jones na curva 1 mas foi na grama e perdeu a posição para Bourdais. Na volta 44 pararam alguns pilotos, entre eles Hunter-Reay que colocou pneus duros. Quem também parou foi Rosenqvist e durante o pit, o carro #10 pegou fogo e mesmo depois que Rosenqvist arrancou ainda haviam chamas pelo chão.

Dixon vinha liderando e Harvey começou a se aproximar enquanto Simon Pagenaud também observava de perto a briga pela liderança. Na volta 48 os três líderes entraram nos pits e Pagenaud ganhou a vice liderança dentro dos boxes. Na pista, Max Chilton atacou Jack Harvey que estava de pneus frios mas não ganhou a posição. Com a parada dos líderes quem ficou com a ponta foi Graham Rahal mas ele parou na volta 51. Então a liderança foi para Bourdais. Logo depois, na volta 53, Bourdais também entrou nos pits. Aí a liderança voltou mais uma vez para Newgarden.

Outra vez a chuva ficou intensa novamente. Enquanto Newgarden se atrapalhou com um retardatário quem se aproximou foi Pato O'Ward. Na volta 59, Hélio Castroneves foi o primeiro a parar para colocar pneus de chuva mas na saída do pit o #3 rodou. Vários carros entraram nos boxes e a Indy acionou a bandeira amarela. Outra vez o carro de Rosenqvist pegou fogo no pit. No meio desse caos, muitos carros no pit quase bateram mas nenhum incidente foi registrado. Enquanto isso, Castroneves conseguiu voltar pra corrida.

Bandeira amarela longa e dois Penskes são punidos

A amarela se estendeu por muitas voltas. Na volta 63, quem ainda não tinha colocado pneu de chuva fez a troca numa segunda janela dentro da mesma amarela. A liderança mudou de novo saindo de Pagenaud e voltando para o colo de Dixon. Ainda durante essa janela, um pneu escapou no meio dos pits e por sorte ninguém atingiu ele.

Depois das paradas Castroneves fez uma nova parada com os pits fechados e foi punido. Quem também foi punido foi Newgarden, porque o pneu solto nos pits era dele. A relargada foi apenas na volta 68 e já com uma chuva moderada.

Ed Jones largou mal e perdeu muitas posições. Leist foi pra cima de Spencer Pigot e ganhou a terceira posição. No meio do pelotão novamente muitas posições foram mudando de dono. Dixon abriu boa vantagem na liderança. Na volta 71, a diferença já era de 3.7s para Jack Harvey que vinha em segundo. Na volta 72, Pagenaud encostou em Leist e começou a atacar com muita intensidade. Leist vinha se defendo bem mas na volta 74 a ultrapassagem foi inevitável. Enquanto isso, Dixon seguia abrindo vantagem.

Pagenaud arranca para a vitória

Na volta 75 o carro #9 já estava 5.2s na frente do vice líder. Pagenaud tinha um excelente conjunto para a situação de chuva média e passou a pressionar Harvey. O piloto da equipe Shank se defendeu como pode enquanto Leist acompanhou a disputa de perto. Na volta 79, Harvey também não resistiu e sucumbiu aos ataques incessantes de Pagenaud.

O carro de Pagenaud voava na pista enquanto os concorrentes pareciam estar em câmera lenta. Na volta 79, a diferença de Dixon para Pagenaud era de 6s. Na volta 80 caiu para 4s. Na volta 81 despencou para 1.8s apenas. Pagenaud atacou forte na volta 82. Continuou pressionando na volta 83. Mas foi só na volta 84 que os 2 carros se tocaram e Pagenaud conseguiu a ultrapassagem da vitória e depois recebeu a bandeira branca e a quadriculada em seguida. Um final de prova espetacular numa sequência digna de cinema protagonizada por Simon Pagenaud.

Resultado final e classificação do campeonato

Confira como ficou o resultado final da corrida.

A corrida teve um total de 249 ultrapassagens sendo que 189 foram disputas diretas por posição. Ao todo foram 10 trocas de liderança entre 6 pilotos diferentes. O piloto que mais evoluiu no grid foi o brasileiro Matheus Leist que fez uma grande corrida e terminou na quarta colocação, sua melhor posição de chegada no campeonato e na carreira. Um grande resultado para Leist e para a AJ Foyt Racing. Por outro lado, Hélio Castroneves foi apenas o vigésimo primeiro em seu retorno a Indy e Tony Kanaan foi  vigésimo. Com o segundo lugar na corrida, Dixon agora também é o segundo colocado no campeonato. Newgarden e Rossi foram muito mal na prova e agora tem a sombra do pentacampeão no retrovisor.

Confira como ficou a classificação do campeonato.

A Indy começa na terça-feira seus treinos no traçado oval do IMS e no fim de semana já teremos o Bump Day e o Pole Day no domingo. A Indy 500 acontece no dia 26/05 e você confere tudo aqui no Indy Center Brasil! Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]