Post Page Advertisement [Top]

A Chip Ganassi Racing anunciou no final da semana passada que o sueco Felix Rosenqvist, de 26 anos, vai ser o responsável por pilotar o segundo carro da equipe, a partir de 2019. Ele chega ao time para substituir Ed Jones e fará dupla com o atual campeão da Indy, Scott Dixon. Na ocasião, também foi anunciada a renovação de contrato com a empresa de tecnologia NTT Data, principal apoiadora do carro #10 nos últimos anos.


"Felix se familiarizou com a nossa equipe e testou conosco em algumas ocasiões”, disse Ganassi. “Nossos grupos de gerenciamento e engenharia, juntamente com toda a equipe, ficaram impressionados com sua capacidade. Chegou a hora de colocá-lo no carro #10 e acho que posso falar por muitas pessoas quando digo que estamos confiantes sobre o que ele pode fazer na próxima temporada."

Rosenqvist chegou a vencer três corridas na temporada 2016 da Indy Lights, quando disputou parte do campeonato com a Belardi Auto Racing.

"Dizer que estou feliz ou empolgado por estar dando esse passo em minha carreira seria um eufemismo. Chegar à Indy e guiar para Chip é simplesmente um sonho se tornando realidade. Eu acompanhei a equipe desde que me lembro e esse é o tipo de equipe e proprietário que qualquer piloto gostaria de correr."

Embora houvessem algumas discussões sobre os possíveis conflitos de data que Rosenqvist poderia enfrentar, caso também queira continuar correndo da Formula E, o empresário do piloto, Stefan Johansson, confirmou que ele vai disputar todas as 17 corridas do calendário da Fórmula Indy.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]