Post Page Advertisement [Top]

Matheus Leist foi o mais rápido no primeiro treino da temporada, enquanto que Hunter-Reay foi o mais rápido no segundo e também cravou o melhor tempo do dia em St. Petersburg.

Primeiro treino livre:

A temporada de 2018 começou com o Brasil liderando o primeiro treino livre. Matheus Leist fez a volta mais rápida no final da primeira sessão, superando Ryan Hunter-Reay com o tempo de 1:01.723. Nos últimos segundos, Sébastien Bourdais bateu o americano da Andretti e foi o segundo mais rápido com o seu #18 da Dale Coyne with Vasser-Sullivan.

Continuando com a salada de equipes sem nenhum domínio, Alexander Rossi, da Andretti, foi o quarto mais rápido, com o tempo de 1:02.041, uma diferença de apenas 0.160. Scott Dixon completou o top 5 da manhã em St. Pete.

Da Penske, equipe que dominava os treinos nas últimas temporadas, Will Power chegou a liderar boa parte do treino, mas acabou no oitavo lugar. Josef Newgarden, atual campeão, foi apenas o décimo-quinto, enquanto que Simon Pagenaud foi o melhor da equipe, terminando em sétimo. 

Outro calouro também se destacou: Robert Wickens, canadense da SPM e companheiro de James Hinchcliffe, terminou no sexto lugar. Companheiro de Leist na Foyt, Tony Kanaan terminou em nono. 

Confira abaixo o resultado final do TL1 em St. Pete:

Segundo treino livre:

No segundo treino livre, que ocorreu às 17h no horário brasileiro, Ryan Hunter-Reay acabou cravando o tempo mais rápido do dia: 1:00.829. Dos brasileiros, Tony Kanaan terminou novamente no nono lugar e Matheus Leist foi o décimo segundo.

James Hinchcliffe acabou como o segundo colocado na sessão da tarde em St. Pete por apenas 0.042. Mostrando que os carros estão bem próximos, pelo menos neste primeiro dia oficial de temporada.

O Top 5 foi completado com Will Power em terceiro, Scott Dixon em quarto e Josef Newgarden no quinto lugar.

O destaque negativo do segundo treino ficou por conta de René Binder da Juncos e Simon Pagenaud da Penske, que rodaram no mesmo lugar e provocaram a bandeira vermelha, mas por pouco tempo cada. O #32 de Binder não sofreu nenhuma avaria, enquanto que Pagenaud precisou trocar o bico dianteiro. No fim, o francês da Penske acabou no décimo-terceiro lugar, enquanto que o austríaco da Juncos foi o último colocado.

Confira abaixo o resultado final do TL2:


Neste sábado (10) a Indy entra na pista pela manhã em St. Pete para o terceiro treino livre e de tarde rola o treino classificatório. Fiquem ligados aqui no Indy Center brasil e nas redes sociais da IndyCar!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]