Power quebra o recorde da pista e larga na frente amanhã em Gateway

Piloto australiano supera companheiros de Penske e conquista a sua 50ª pole da carreira na Indy, a primeira em Gateway. Helinho larga em terceiro e Tony Kanaan em 17º. Largada acontece neste sábado (26), às 22h40 com transmissão ao vivo da Band e do Bandsports.

Primeira vez e primeira pole de Power no oval de 1.25 milhas. (Foto: IndyCar)

O treino classificatório para a Bommarito Automotive Group 500k presented by Valvoline começou às 20h30 no horário brasileiro. A IndyCar definiu a ordem de entrada dos pilotos na pista, como você poderá ver na imagem abaixo:



O primeiro a entrar na pista foi Sebastián Saavedra, que substitui o chutado Mikhail Aleshin no #7 da SPM neste final de semana. Não preciso nem dizer que o tempo que ele fez (177.700 mph) merecia um belo de um chute no traseiro para nunca mais voltar a COGITAR em andar em um carro de Indy na sua vida.

Logo depois de JR Hildebrand fazer 182.499 mph, só quase 5 milhas de MÉDIA mais rápido do que Saavedra, veio Marco Andretti. Também não preciso dizer que seu tempo foi pífio e merecia um belo de um BAN da Indy, mas como ele é o filho do dono... o tempo dele foi de 181.191 mph, quase quatro milhas de média mais rápido do que Saavedra. Agora vamos ao treino de fato:

Confirmando o favoritismo da Penske e da Chevrolet no treino livre, Simon Pagenaud foi o primeiro penskeano a entrar na pista e já cravou 186.747 mph, só quase DEZ milhas de média mais rápido do que Saavedra. O atual campeão da Indy ficou com a pole provisória por um bom tempo, até que Hélio Castroneves superou o francês, com o tempo médio de 187.757 mph.

E então veio Josef Newgarden e bateu o tempo de Helinho, e também o recorde da pista que era de Raul Boesel, 187.963 mph, conquistado na prova inaugural da CART em Gateway, em 1997. 188.316 mph para o líder do campeonato, conquistando assim a pole provisória.

Só que ainda faltava um piloto da Penske...

Como vocês puderam perceber, era um treino classificatório à parte da equipe do capitão. Ed Carpenter, Scott Dixon e Alexander Rossi tentaram se intrometer entre o quarteto da Penske, mas não conseguiram. A diferença entre Pagenaud e Carpenter foi de 2.2 milhas por hora de média, só isso.

E então veio o último Penske a entrar na pista, Will Power. O australiano, que já venceu duas vezes em oval nesta temporada, cravou a pole e superou o recorde que Newgarden havia acabado de estraçalhar também, com a média de 189.642 mph. Literalmente um voo baixo de Power, que conquistou a sua 50ª pole na IndyCar.

Confira abaixo o grid de largada da prova:



A corrida acontece amanhã às 22h40, com transmissão ao vivo da Band e do Bandsports no Brasil. Até lá!!

Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário