Pro Mazda: Victor Franzoni consegue a vitória de ponta a ponta em Road America

O brasileiro da Juncos Racing consegue impor bom ritmo e vence sua terceira corrida seguida na categoria. Carlos Cunha teve problemas e terminou em nono lugar.


No terceiro fim de semana da temporada 2017 da Pro Mazda, a categoria entrou com quinze carros no grid, com a volta de Max Hanratty e as estreias de Kris Wright e da Unfair Advantage Racing.

Sim, tinha uma McLaren no grid. Era o carro de David Zavelson.
O fim de semana começou com duas sessão de treinos livres na quinta-feira, e ambas foram lideradas por Anthony Martin. O Australiano terminou ambas as sessões com mais de um segundo de diferença, primeiro para TJ Fisher no treino da manhã e para Nikita Lastochkin no treino da tarde. 

Entre os brasileiros aconteceram alguns problemas. Victor Franzoni teve problemas para conseguir o ritmo necessário e fechou o primeiro treino no quatro lugar e o segundo deles ele ficou a seis segundos de Martin. Já Carlos Cunha teve problemas mais sérios na quarta-feira, passando por um mau estar e tendo de ir ao médico, que o liberou para correr nesse fim de semana, o piloto de Campinas conseguiu ficar em quinto no primeiro treino livre e em quarto no segundo deles.

Mas, no treino clasificatório de sexta de manhã os dois se recuperaram. Carlos Cunha conseguiu se recukperar rapidamente e antes dos dez minutos de treino já havia feito uma volta quase dois segundos mais rápida que seus companheiros de equipe, assumindo o primeiro lugar temporário. Pouco tempo depois, Victor Franzoni conseguiu recuperar seu ritmo rápido e pulverizou os trempos anteriores, sendo mais de dois segundos mais rápido que Cunha e assumindo a pole da corrida 1. Anthony Martin em sua última volta conseguiu assumir o segundo lugar do grid, relegando Cunha e TJ Fisher a segunda fila.


Pro Mazda Grand Prix of Road America Presented by Allied Building Products race 1

A largada que ninguém viu porque a transmissão oficial cortou a primeira metade da prova.
A largada aconteceu sem incidentes, mas não foi tranquila. Logo na entrada da curva um, Martin consegue colocar por dentro de Franzoni e assume a ponta da prova. Carlos Cunha conseguiu manter o terceiro lugar, seguido por Nikita Lastochkin e TJ Fisher. Franzoni pressionou Martin e conseguiu se colocar ao lado do australiano nas curvas quatro e sete, mas na curva doze Martin não conseguiu segurar o brasileiro da Juncos e Franzoni assumiu a ponta da prova. Nessa mesma curva, lastochkin conseguiu colocar por dentro de Cunha e assumir o terceiro posto.

Ao fim da primeira volta, Franzoni liderava com Martin bem próximo, seguido por Lastochkin, Cunha, Fisher, Robb, Wright, Green, Kaminsky, Hanratty e Eberle.

Na volta seguinte Carlos cunha começou a ter problemas, após sair para a área de escape na curva dois. Não se sabe se o piloto saiu sozinho da pista ou foi oriundo de algum toque com Lastochkin, que estava bem próximo do brasileiro, que foi aos pits com um pedaço de sua carenagem faltando. Cunha conseguiu voltar à prova, mas perdeu mais de meia volta no processo e, apesar de ter ritmo de corrida, conseguiu completar a prova apenas no nono lugar.
Como o carro de Carlos Cunha ficou.
Na corrida, Franzoni conseguia abrir distância de Martin, que conseguia se afastar de Lastochkin, que se distanciava de Fisher, que conseguia abrir distância de Sting Ray Robb, Kris Wright e Max Hanratty, que assumiu o sétimo lugar na volta quatro, após ultrapassar Jeff Green e Bob Kaminsky.

Enquanto a corrida ficava morna lá na frente, a briga pelo top 5 se animava. Hanratty conseguiu passar Wright na volta seis e pressionava Robb até a volta nove. Na volta anterior, TJ Fisher começou a ter problemas na bomba de combustível, e seu ritmo de corrida ficou muito lento e os dois pilotos que brigavam pelo quinto lugar se aproximaram do americano na volta nove. Sting Ray Robb conseguiu passar rapidamente no fim da curva quatro e assumiu o quarto lugar, mas Max Hanratty só conseguiu passar o carro lento de TJ meia volta depois, e aí já estava quase cinco segundos atrás de Sting Ray Robb.

Com isso, as emoçoes da prova acabaram. Max Hanratty conseguiu tirar três segundos de diferença, mas não conseguiu impor ritmo o suficente para chegar próximo de Sting Ray Robb e teve de se conformar com o quinto lugar, enquanto o piloto da World Speed Motorsports passava no quarto lugar. Lá na frente, Lastochkin passou em terceiro, seis segundos atrás de Anthony Martin, o segundo, e quase vinte segundos atrás de Victor Franzoni, que vence a primeira prova em Raod America!

Resultados e pódio. O tio de vermelho é Bob Kaminsky, vencedor na categoria expert.
Com essa vitória, Franzoni abre mais oito pontos de vantagem sobre Martin e agora lidera com catorze pontos de folga (149 a 135). Fisher ainda vem no terceiro lugar do campeonato, mas já mais de 40 pontos atrás. Carlos Cunha perdeu o quarto lugar do campeonato para Lastochkin, e agora tem 84 pontos.

A próxima prova acontece hoje, às 16 horas. Até lá!!
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário