Post Page Advertisement [Top]

Tendo indícios de concussão após batida em Watkins Glen, Will Power foi liberado do centro médico do circuito mas não foi liberado para dirigir carros, mas foi reavaliado e liberado para disputar a prova final.
Imagem aleatória de Power apenas para ilustrar a matéria.
O circo da Indy ficou um pouco temeroso após a avaliação médica de Will Power na batida com Charlie Kimball. O vice-líder do campeonato foi liberado do centro médico instalado na pequena cidade de Watkins Glen, entretanto, foi recomendado ao piloto não dirigir, pois havia suspeita de concussão durante a batida na 39ª volta.

Todos se perguntavam se Will Power poderia pilotar no fim de semana que vem, em Sonoma. Caso não pudesse, o campeonato cairia automaticamente no colo de Simon Pagenaud, já que Power é o único que pode tirar o título das mãos de seu companheiro de equipe.

Entretanto, em nova avaliação feita nessa terça-feira, o Dr. Steve Owey, do Jackson Memorial Hospital, de Miami, liberou o australiano novamente para dirigir e pilotar a etapa final de Sonoma.
"Will está bem. Ele foi até o Centro de Concussão da Universidade de Miami, aonde conduzimos dois testes sofisticados para determinar se ele tinha sofrido uma concussão durante o fim de semana. Ele passou pelos dois testes sem qualquer problema”, disse Olvey.
Assim, teremos uma disputa pelo título em Sonoma, pois Will Power terá a oportumidade de descontar os 43 pontos de desvantagem para Pagenaud no fim de semana que vem, em Sonoma.


fonte: Racing Online (a tradução das palavras do médico é deles também). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]