Confira os horários em Milwuakee

Depois de muito ameaça da pela mudança de data, a clássica corrida em Milwaukee vem para mais um ano na Indycar. Nesse ano além da corrida da Indycar com nome gigantesco, teremos a presença novamente da Indy Lights e a entrada pela primeira vez da Pro Mazda no circuito.


Essa será a antepenúltima prova para as três categorias. o ABC Supply Company Incorporation Winsconsin 250 at Milwaukee Indtyfest presented by the Metro Milwaukee Honda Dealers volta a ser realizado no fim da temporada, bem como na era pré-CART, mais detalhes da história podem ser acompanhados aqui.

A Rede bandeirantes transmite a prova, mas apenas pelo canal fechado Bandsports. A Band não transmite essa prova pois o horário de largada coincide com os horários de jogos do campeonato brasileiro. O canal exibe apenas um compacto de quinze minutos, a uma hora da manhã.


A Indy Lights e a Pro Mazda também entram na fase de definição. Após essa prova restará apenas uma rodada dupla par ambas as categorias.  Na Pro Mazda, a disputa está polarizada entre Spencer Pigot (259 pontos) e Scott Hargrove (245 pontos), que possuem grande vantagem para o resto dos pilotos e essa etapa em Milwaukee muito provavelmenete confiramará matematicamente esse fato. E na Indy Lights, Gabby Chaves (431 pontos), Jack Harvey (413 pontos) e Zach Veach (407 pontos) são os pilotos que disputam mais diretamente o título. Mais detalhes aqui também.

Confira os horários para o próximo fim de semana na Indycar e o horário das provas do Road to Indy, já convertido para o horário de Brasília:

Sábado (16 de agosto):
12:00h - 13:00h: Treino Livre da Indycar Series
15:30h - 16:30h: Treino Livre da Indycar Series
19:00h - 20:15h: Treino classificatório da Indycar Series
20:30h - 21:30h: Corrida da pro Mazda (100 voltas)

Domingo (17 de agosto):
13:55h - 15:00h: Corrida da Indy Lights (100 voltas)
16:50h: ABC Supply Company Incorporation Winsconsin 250 at Milwaukee Indtyfest presented by the Metro Milwaukee Honda Dealers (250 voltas)



Antes de você fechar essa página, vale mencionar um evento muito curioso:


Acontece desde o ano passado o campeonato mundial de corridas de Riquixá. Organizada pela Federação Nacional das Corridas de Riquixá, o evento terá duas corridas preliminares de quinze minutos onde os mais rápidos farão os duelos finais para ver quem é o piloto de riquixá mais rápido do mundo (na verdade, como todos os campeonatos mundiais organizados por americanos, apenas americanos se inscreveram esse ano).

No ano passado dezessete pilotos competiram sem distinção de classe (tinha pilotos homens e mulheres, de 15 a 57 anos) em corrida única, e o vencedor foi um piloto do estado de Milwaukee.  Nesse ano, com o triplo de pessoas associadas a Federação Nacional das Corridas de Riquixá e prevendo um número muito maior de inscritos no "campeonato" "mundial", foram divididas em duas baterias, com a novidade que cada competidor deve carregar uma outra pessoa com mais de 50Kg (ou caregar 75Kg de lastro amarrado bagageiro do riquixá) durante toda as provas com riquixás dentro das especificações indicadas. A duração de três voltas ou quinze minutos, com as corridas preliminares realizadas no sábado e a corrida final feita no domingo.
Largada do ano passado. Quem ganhou foi o de preto com boné, atrás do gordo (verdade).
O campeão levará para casa 500 dólares (o maior prêmio já distribuído para uma corrida de riquixás (sim, é sério, eu pesquisei sobre isso)) e todo e qualquer participante da prova recebera 40 dólares, ingressos pra assistir a corrida e participar da feira em Milwaukee com acompanhante, camisetas do evento em que participarão, os decalques com os números para colocar no riquixá, como bem indicado no folder de divulgação feito pela organização do evento. É por esses e outros motivos que eu amo a Indycar.
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário