• Andretti quer cinco carros em tempo integral no próximo ano

    Com ou sem Simon Pagenaud , a Andretti Autosport está querendo competir com cinco bólidos em tempo integral no próximo ano. Foi o que disse o dono da equipe Michael Andretti no domingo.

    A equipe sediada em Indianapolis renovou o patrocínio de Ryan Hunter-Reay até 2017 juntamente com a DHL, patrocinadora master do norte-americano. Os programas de Marco Andretti e Carlos Muñoz também estão definidos. A única dúvida segue com James Hinchcliffe.

    "A questão não é o Hinch", disse Andretti. "E sim, o lado do patrocinador. Nosso objetivo é ter cinco carros, e ainda estamos trabalhando nisso."

    Nova teoria conspiratória: Andretti quer dominar a Indy.
    (Foto: Andretti Autosport)

    Andretti também falou que o investimento em novos equipamentos na Indy Lights não está no orçamento.

    "A única maneira que eu poderia fazer algo na Indy Lights é se eu encontrasse um garoto que pode se dar ao luxo de pagar para correr", comentou. "Eu não vou ser capaz de pagar e sair comprando novos chassis. Não estou dizendo que o programa morreu. Ainda é possível, mas neste momento não temos nada planejado ainda".

    Quanto as corridas promovidas pela Andretti Sports Marketing, Michael falou que o Milwaukee IndyFest vai continuar por pelo menos mais um ano, e uma nova proposta de evento no NOLA Motorsports Park, está perto de ser finalizada para a próxima temporada.

    "Vamos anunciá-la em breve", disse Andretti sobre os novos planos na área de Orleans. "Estamos muito animados com esse evento. Acho que vai ser muito maior do que qualquer pessoa possa imaginar".

    A data não foi revelada, mas Michael disse que "está tudo indo muito bem."

    Andretti disse que é muito cedo para dizer se a sua empresa vai continuar organizando a corrida em Milwaukee depois que o contrato expirar no próximo ano, porém há grandes chances do evento continuar sob a chancela da Andretti Sports Marketing.

    Fonte: Indystar
  • POSTAGENS RELACIONADAS

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário