• Long Beach atraiu maior público desde a era da CART

    De acordo com a Associação dos Grande Prêmio de Long Beach, a edição da semana passada atraiu o maior público desde os anos da CART. O evento de três dias, que teve como carro-chefe a IndyCar Series, além de outras categorias como a IMSA, Pirelli World Challenge, Stadium Super Trucks e Historic Trans Am Series, trouxe mais de 185.000 fãs aos portões para assistir às corridas que acontecerem na ensolarada cidade californiana.

    "Ter um novo recorde de público em tempos modernos é realmente importante", disse o CEO da organização do evento, Jim Michaelian, à revista Racer. "Temos mais de 185.000 e contando, e isso é o melhor que temos desde 2000. No ano passado foram 183.000, que também havia sido um recorde. A melhor maneira de afirmar que estamos de volta e fortes foi fazer o tipo de evento que fizemos este ano".

    Michaelian citou várias razões para o aumento do público.

    "Tivemos um ótimo clima; as vendas de ingressos na hora da prova representam cerca de 12 por cento da multidão, e já tínhamos um grande número de pré-venda de ingressos, mas o tempo ajudou a levar as pessoas para assistir", acrescentou. "A IndyCar está indo em uma ótima direção, os carros parecem melhores do que eles tiveram em um longo tempo, e o estilo de condução para fazê-los ir tão rápido é atraente. E há uma série de boas notícias sobre a IndyCar que ajudaram com o novo contrato de TV da NBC, haviam seis novatos para ver, e alguns pilotos populares que as pessoas conhecem".

    O último comentário foi reforçado por uma nova tendência que Michaelian diz ter notado nos últimos anos.

    "E Long Beach está se tornando um evento de gerações agora[...] Estou conhecendo pessoas que me dizem que seu pai as trouxe, e agora elas estão trazendo seus filhos e filhas para a corrida porque se tornou parte da tradição familiar. Três gerações é algo grande. Então, estamos tentando fazer mais e mais atrativo para as famílias", finalizou.

    Fonte: Racer
  • POSTAGENS RELACIONADAS

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário