Miles cogita novas provas para as futuras temporadas da Indy

O diretor executivo da Indy, Mark Miles afirmou que há conversas em andamento entre a categoria e o grupo chinês Mitime para criar não só uma nova corrida, mas também desenvolver o automobilismo na China.

Já houve no passado propostas para corridas na China tanto para a Champ Car quanto para a Indy, incluindo uma prova realizada nas ruas de Pequim. Contudo, Miles disse que as discussões com a Mitime estão em um nível diferente, mas seria prematuro dizer que algo está próximo de ser finalizado. Além disso, ele acrescentou que a corrida pode não acontecer até 2019.

Miles citou quatro potenciais eventos. (Foto: LAT)

"O Mitime é um grupo com o qual estamos tendo um diálogo considerável, e eles estão certamente pensando em nós como possível parceiros para uma corrida na China. Eles também podem ser parceiros para a distribuição de direitos de TV, além de outras coisas", disse Miles. "Eles possuem uma operação gigante por lá. E ele é muito sério quanto a esse relacionamento, porque ele está interessado em desenvolver o automobilismo na China, incluindo o fornecimento de treinamento a engenheiros e mecânicos através da Indy".

Já falando na América do Norte, Miles comentou que o retorno ao circuito de Portland, no Oregon, seria outra possibilidade. A pista, presente desde os tempos da CART, de 1984 a 2007, ajudaria a aumentar a percepção da Indy no noroeste dos Estados Unidos. Outra possibilidade interessante seria uma corrida nas ruas de Calgary, Canadá. 

"Calgary e Portland estão no mesmo nível em termos de progresso. Eles estão tentando ajustar as coisas em termos de datas, mas nenhuma delas chegou a um ponto em que podemos considerar uma proposta concreta", diz Miles.

A surpresa fica pela conta da que acredita-se que seja a possibilidade mais real: o Autódromo Miguel E. Abed em Puebla, no México, cerca de 150 km ao sudeste da Cidade do México.

Autódromo Miguel Abed seria a negociação mais "avançada". (Foto: Autotrack)

"Estou otimista quanto a essa corrida, parece promissora. Há bastante trabalho a ser feito antes de podermos considerar um contrato fechado, e isso pode acontecer já para 2018. Mas todos sabemos que essas coisas não são concluídas até que estejam, de fato, concluídas", filosofou.

Fonte: Motorsport
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário