[LIGHTS] Estreantes comandam os treinosem St. Petersburg.

Três estreantes diferentes lideraram as três sessões de treinos da Indy Lights. Pato O'ward liderou a sessão errada e foi o mais rápido do treino livre, enquanto Aaron Telitz e colton Herta conseguem as poles das corridas desse fim de semana.
Esse é Ryan Norman. Ele não liderou nada essa semana.
Nessa temporada também houveram mudanças nas regras. Ao invés de dois treinos livres e um treino classificatório que valia para as duas provas (a melhor volta de cada piloto montava o grid para a prova 1 e a segunda melhor volta montava o grid para a prova 2), uma prova curta de 40 minutos e uma prova longa de uma hora; agora há dois treinos classificatórios de 30 minutos, um para cada prova, e apenas um treino livre de 45 minutos, além da extensão da duração da prova curta para 50 minutos.

Fim de semana de estreia de Matheus Leist.
Entre os pilotos apenas uma novidade; o segundo carro da Team Pelfrey tem Pato O'ward como piloto nesse fim de semana. O mexicano de 17 anos foi contratado no mesmo estilo da temporada que fez na Pro Mazda, correndo na medida que for conseguindo dinheiro e patrocinadores para as próximas etapas. Deu certo na categoria logo abaixo da Indy Lights, e Pato conseguiu o vice-campeonato.

Nos treinos livres vimos algo parecido com o apresentado nos testes de primavera realizados terça passada, quando a Belardi Auto Racing andou melhor e a Andretti Autosport/Steinbrenner Racing andou melhor ainda, fazendo os melhores tempos na maioria das sessões; enquanto a Carlin e a Juncos Racing fechavam o grid, junto com Ryan Norman (Andretti). 

O ponto de discrepância foi a Team Pelfrey que, com apenas Piedrahita nos testes de primavera, oscilou entre a frente e o meio de grid. Em St. Pete a equipe amarela e preta dividiu o espaço com Belardi e Andretti, com o estreante Pato O'ward fechando com o melhor tempo do dia. Urrutia levou a Belardi para frente da Andretti e fechou no segundo lugar, a frente de Colton Herta, Nico Jamin e Dalton Kellett.

Matheus Leist, o único brasileiro na categoria, acompanhou seus companheiros de equipe na parte debaixo do grid, no 11º lugar de quinze pilotos.
Tempos do treino livre.
No primeiro treino classificatório os pilotos saíram para a pista e após passarem os dez primeiros minutos, Ryan Norman toca o muro na curva 10, quebrando sua suspensão e acionando a bandeira vermelha.

Telitz conseguiu a primeira pole do ano.
Nico Jamin liderava a sessão nesse ponto, mas na segunda saída Pato O'ward fez o melhor tempo até faltar três minutos para o fim do treino, quando Aaron Telitz fez o tempo da pole position. O americano havia saído uma volta mais cedo que a maioria dos pilotos e quanto a maioria dos pilotos estavam se encaminhando para fazer suas últimas voltas rápidas O'ward bateu seu carro na curva oito, quebrando asa e suspensão dianteira e acionando novamente a bandeira vermelha. O mexicano teve sua melhor volta cancelada por causar bandeira vermelha, Telitz ficou na ponta e o grid ficou embolado.

E colton Herta conseguiu a segunda.
O segundo treino classificatório ocorreu completamente sem incidentes e nele vimos uma sucessova batalha pela pole position. No início da sessão, Herta tinha o melhor tempo, mas logo foi preterido por Aaron Telitz e, posteriormente, por Pato O'ward, que passou metade da sessão na ponta de cima da tabela de tempos. Faltando dez minutos para o fim, Nico Jamin tomou a pole, que logo foi tomada por Kyle Kaiser (Juncos), Santiago Urrutia até que, no fim, a pole voltou para as mãos originais de Colton Herta.
Matheus Leist teve altos e baixos nos treinos classificatórios. No primeiro treino conseguiu uma boa volta pouco antes da segunda bandeira vermelha que decretouo o fim do treino e o quarto lugar veio como lucro. Mas o sábado foi o di de seu karma ruim e, além das dificuldades que os pilotos da Carlin vem sofrendo durante todo o fim de semana, o brasileiro não conseguiu melhorar seu tempo na volta finais de seu treino, como fizeram sete dos onze pilotos que ficaram na sua frente nesse treino; no fim, veio apenas o 12º lugar.

Tempos dos treinos classificatórios.
Com dois grids tão distintos de uma prova para a outra, podemos esperar duas provas bem diferentes. Alguns pilotos da Belardi e, principalmente, da Andretti, que foram muito mal no primeiro treino classificatório, a corrida de recuperação é a única saída, enquanto Pelfrey e Juncos tentam se segurar lá na frente. A segunda prova do dia será o fiel da balança em mais um teste para os novatos, pois alguns deles ainda não estão acostumados com largadas lançadas e grande economia de pneus e equipamento que exige uma corrida de uma hora da Indy Lights.

Como eles vão sair, só vendo para saber! A primeira corrida da Indy lights já aconteceu, mas a review dessa corrida sairá apenas junto com o da segunda corrida, que acontece nesse domingo às 10h45 da manhã. A segunda corrida terá transmissão ao vivo no canal da Indy no youtube.
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário