Informações da pista: Auto Club Speedway


Olá pessoas! Pela última vez, o Indy Center Brasil traz as informações da pista neste ano. O superoval de Fontana, na California, recebe a Indy pela 13º vez (contando com a CART), e pela décima vez como última etapa do ano. Essa pista já decidiu títulos, como os de Alessandro Zanardi em 1998, Juan Pablo Montoya em 1999.

A corrida faz parte da Triple Crown, um mini campeonato em que caso o piloto vencesse as três corridas em superovais (Indy 500, Pocono e Fontana), ele receberia o prêmio de 1 milhão de dólares. Se caso ele vencesse apenas duas, receberia 250 mil, ou seja, Ryan Hunter-Reay e Juan Pablo Montoya podem ganhar essa bolada caso estejam no victory lane em Fontana.


- A pista já foi chamada de California Speedway quando era de propriedade de Roger Penske, mas passou a se chamar Auto Club Speedway em 2008 depois que foi vendida ao grupo de automobilismo da California num contrato de 10 anos.

- Quando começou a ser construído em 1995, o dono da Penske queria que ele tivesse as mesmas características do superoval de Michigan, que na época também era de sua propriedade. Por isso o oval é considerado um clone de Michigan. A diferença é que Fontana tem menos inclinação, porém, é mais larga do que sua irmã.

- Antes mesmo de começarem a fazer alguma coisa, no final de 1994, tanto a CART quanto a Nascar confirmaram pelo menos uma corrida no oval que ainda nem começou a ser construído.

- O oval foi construído no mesmo terreno de uma antiga fábrica de aço famosa dos anos 50, que mantém sua essência no local pela torre de água que agora serve de scoreboard.

- A pista fica próxima ás antigas instalações do Ontario Motor Speedway dos anos 70, e do mítico Riverside International Raceway dos anos 80.

- O recorde de velocidade média em circuíto fechado pelo Guinness Book é do brasileiro Gil de Ferran. Nessa mesma pista, nos treinos de classificação da edição de 2000, Gil fez 388.541km/h de média, porém, há controvérsias sobre a velocidade média alcançada. Na época, a CART utilizava uma medida de distância da pista diferente do que a Nascar e a IndyCar utiliza hoje. Passando para as medidas de hoje, esse recorde diminuiria para 382.987km/h.

- O circuíto tem uma triste fama de atrair a morte. Existem relatos que mais de dez pessoas já morreram no autódromo dentro de um carro (nenhum espectador, se podemos achar algo bom nisso), inclusive, participando do Indy Racing Experience, como aconteceu com uma mulher em 2010. O mais famoso delas é do canadense Greg Moore, que morreu em 1999.

- A pista nunca foi pavimentada desde sua construção.

- Os maiores vencedores de Fontana, são Jimmy Vasser (1998 e 2002), Adrian Fernandez (1999 e 2004) e Sam Hornish Jr. (2002 e 2003), todos eles com apenas duas vitórias. Portanto, se Will Power, ou Ed Carpenter vencerem essa prova, um deles se iguala aos maiores vencedores da pista. Os brazucas da lista são Christian Fittipaldi (2000) e Cristiano da Matta (2001).


- Agora, a pista tem capacidade para 68 mil pessoas, mas já conseguiu atender quase cem mil. Problemas com a falta de público fizeram com que a Automobile Club of Southern California retirasse 25 mil lugares da Curva 1 neste ano de 2014 e colocasse uma nova área de hospitalidade, mais um painel digital que mostra a velocidade dos carros naquele ponto.


- O local também serviu de cenário para algumas cenas de Mortal Kombat e a cena final de O Exterminador do Futuro 2 antes da fábrica ser demolida. Depois, o oval também serviu de cenário para As Panteras, Herbie: Meu Fusca Turbinado, e Antes de Partir.

- Em 2010, recebeu uma edição do Epicenter, festival de música da California. 

- A pista atualmente recebe a Indy e também, a Nascar Sprint Cup Series e a Nascar Nationwide Series, e mais algumas categorias de motociclismo e open-wheel, mas também já recebeu a Nascar Camping World Truck Series,  a extinta International Race of Champions e a Nascar K&N West Series no oval, e também a Super GT e a Rolex SportsCar Series, hoje Tudor United SportsCar Championship, no misto.  



O superoval tem 2 milhas (3km) e 14º graus de inclinação em suas curvas. Como já foi citado, é um clone do superoval de Michigan, porém, a média de velocidade alcançada em Fontana era maior do que em Michigan, até ela ser repavimentada. 

Outra diferença é que cabem mais carros em Fontana. Com isso, também há mais traçados para o piloto acertar seu carro e correr durante as 500 milhas. Ano passado, muitos acertaram para correr pela parte de fora, que fica próxima ao muro. Poucos ousaram escolher a parte de dentro., Um deles foi Carlos Muñoz, que acabou exagerando e foi parar no muro da T2.

Os favoritos são aqueles que sabem andar em superovais, como Ryan hunter-Reay, Ed Carpenter e Helio Castroneves. O brasileiro tem um histórico melhor que Power no oval, porém, nunca venceu como o australiano, só que Power tem uma certa mania de se ferrar em finais de campeonato...


Fontes: Wikipédia

Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. parabéns cara que site legal há tempos procurava um blog legal de indy.

    ResponderExcluir