Power ganha a primeira de Detroit


Após uma corrida marcada por estatégias, Will Power, que não vinha bem durante o final de semana inteiro, é favorecido por elas e supera Graham Rahal nos momentos finais. Tony também se aproveitou das estratégias e chegou no pódio. Hélio terminou no Top 5, fechando a boa corrida dos brasileiros.


Atenção: este selo significa que você, leitor, não pode acreditar 100% do que será postado a partir daqui. Este post foi infectado pela zuera. HU3HU3HU3BRBR

"Estou na frente, tenho o melhor carro do fim de semana, nada pode me atrapalhar nesta prova", pensamento de Hélio, antes do seu motor não funcionar para as voltas de apresentação.

Bandeira verde! Hawksworth, HAWKSWORTH! É o segundo e batalha com Hinchliffe para defender sua posição. Hunter-Reay não consegue muita coisa no começo da prova, porque largou lá trás e até as 5 primeiras voltas, só conseguiu ganhar uma posição.

Volta 5: Enquanto Marco Andretti, Will Power e Simon Pagenaud batalhavam com unhas e dentes pelas posições carros no circuito maravilhoso ondulado de Detroit, quando Pagenaud, na saída da curva 6, achou que haveria um espaço para poder passar seu atual arquinimigo por fora, mas Power (fingindo que não viu... mentira, ele não viu mesmo) fechou a porta e o carro do francês encosta no muro o suficiente para detonar com a suspenção. Bandeira amarela. Todos param nos pits.

Volta 9: Bandeira verde! Rahal, que estava com a macaca hoje, vai pra cima do Montoya (aquele que raspou no muro 3 vezes quando fez a pole em '99, mas que não tinha um bom rendimento hoje), mas isso porque ele estava de pneus duros, que estavam melhores no momento. Então, foi sorte ( =P ). Takuma "Banzai!" Sato tem problemas com seu motor e para nos pits.


Volta 16: Mike Conway bate na curva 12 e se lamenta (se foi de dor, não sei), ou seja, os dois ganhadores do ano passado foram os primeiros a bater. Amarela.
Todos param, exceto: Rahal, que pula para a liderança ( :O ), Andretti, Power, Hunter-Reay, Aleshin, Kimball e Montoya. Isso foi primordial para o final da prova. Jack Hawsworth, que vinha em segundo, tem seu disco de freio quebrado por... sei lá. Forças do além. O que foi uma pena enorme.



Volta 21: Bandeira verde!  Rahal e Andretti batalham pela primeira posição (a última vez que alguém falou sobre isso foi nos anos 90)! Aqueles que não pararam começam a entrar nos pits. Um por um.

Volta 37: Josef Newgarden enche a barreira de pneus da curva 7 e provoca amarela, demorada até, 
porque a barreira tinha 100 galões de litros de água pelo tanto de líquido que ficou na pista. Apenas Andretti e Briscoe param.

Volta 45: Bandeira verde! Marco e Munoz param duas voltas depois, mais tarde, todos também param.

Volta 56: Andretti economiza o máximo de combustível que puder para não parar depois e forma uma fila atrás dele. A confusão é tanta que Hinchcliffe pega um atalho na curva 7, e quando volta, atinge Aleshin que roda. Amarela.

Amarela perfeita para aqueles que estavam economizando combustível, já que eles também não precisariam parar, o que ferrou Helinho.

Volta 60: Bandeira verde! Briscoe tenta sustentar na primeira posição, esperando por mais uma amarela, mas ela não acontece. Power ultrapassa ele e logo depois, Rahal, que ficou na segunda posição. em seguida, Briscoe para.

Volta 63: Rahal pressiona Power na briga pela liderança. Enquanto isso, Kanaan fica de boa na 3º posição e Hélio vai ganhando espaço, conquistando um 5º. 

Mas Rahal perde contato após uma freiada mal feita na curva 12 e Power aproveita para ficar na liderança até a última volta, quando Rahal chega novamente em cima do australiano. No final, quem se dá bem é Power, que consegue sua segunda vitória na temporada, após vencer a corrida de abertura em St. Pete.

Confira agora a classificação da prova:
E os melhores momentos:

Se liga que amanhã tem mais!
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário