Hunter-Reay lidera primeiro treino em Detroit. Castroneves termina em terceiro

Nada como vencer as 500 Milhas de Indianápolis. A boa fase de Ryan Hunter-Reay continua na Indy. Depois da vitória eletrizante no Speedway no último fim de semana, o norte-americano chegou com tudo a Detroit, palco da primeira rodada dupla da Indy em 2014, e liderou o primeiro treino livre movimentado em Belle Isle. O piloto da Andretti foi 0s022 mais veloz que Justin Wilson, o segundo colocado. Helio Castroneves completou o top-3, enquanto Tony Kanaan terminou em quinto, atrás Simon Pagenaud.

RHR liderou o primeiro treino livre em Detroit. (Foto: Indycar)

Confira como foi o primeiro treino livre da Indy em Detroit nesta sexta-feira

O treino que abriu as atividades da Indy em Detroit neste fim de manhã de sexta-feira começou morno, com poucos carros indo à pista. Foi só com pouco mais de dez minutos que os pilotos resolveram mesmo deixar os pits. E aí não pararam mais.

Quem surgiu na ponta inicialmente foi Sébastien Bourdais, que virou em sua segunda tentativa de volta rápida 1min32s104, marca ainda muito alta, mas condizente com o começo de trabalho no sujo e ainda escorregadio circuito de Belle Isle.

Mas aí logo veio Helio Castroneves. De cara, o brasileiro da Penske cravou tempos na casa de 1min24s, antes de alcançar 1min20s806, em somente cinco voltas. Will Power chegou a figurar em segundo, mas foi rapidamente superado por Tony Kanaan, que, por sua vez, acabou batido por Mike Conway.

Kanaan, entretanto, permaneceu uma volta a mais que o inglês da Carpenter na pista e acabou tomando de volta o segundo posto, com pouco menos de quatro décimos de diferença para o compatriota. Enquanto ambos voltavam aos pits, Graham Rahal apareceu do nada com 1min20s511 e assumiu a ponta, sorrateiro.

Castroneves caiu, então, para segundo, enquanto Kanaan despencava para quarto com a ascensão surpreendente de Marco Andretti. A sessão continuava movimentada, e isso se refletia também na tabela de tempos.

Com 30 minutos de treino, Conway saltou para a ponta, ao superar em apenas 0s001 o tempo de Rahal. Castroneves ainda mantinha o terceiro posto da folha de tempos, à frente de Marco, Kanaan, Carlos Muñoz, Mikhail Aleshin, Ryan Hunter-Reay, Carlos Huertas e Josef Newgarden.

Aí, antes de uma breve pausa, o grande vencedor das 500 Milhas de Indianápolis encaixou uma volta perfeita, aproveitando a pista livre. Hunter-Reay foi o primeiro a bater a casa de 1min20 ao registrar 1min19s969.

Helio, então, retornou e, logo no primeiro giro, pulou para segundo, mas 0s411 atrás do norte-americano da Andretti. Mas Conway continuava impossível e logo superou Castroneves de novo, se colocando na vice-liderança da tabela.

Rahal ainda era o quarto, quando Scott Dixon surgiu em quinto, empurrando Kanaan para sexto. Justin Wilson, Sebastian Saavedra e James Hinchcliffe apareciam na sequência da tabela.

Enquanto Hunter-Reay se ajeitava para deixar os boxes, Conway lhe roubava a primeira posição na pista. O jovem veio com 1min19s245, impondo uma vantagem de 0s724 para o líder do campeonato. Na mesma balada, Saavedra surgiu em terceiro, mas oito décimos atrás do inglês. Rahal e Hinchcliffe completavam o top-5.

Só o campeão de 2012 não deixou barato a desfeita de Conway. Retornou à pista em seguida para cravar 1min18s959, aproveitando a melhor condição do asfalto.

O piloto ainda registrou 1min18s959 no minuto final, para selar a liderança neste primeiro treino. Wilson também melhorou no fim, escalou o pelotão e apareceu com um tempo apenas 0s022 atrás do líder. Castroneves ficou mesmo em terceiro, mas andando na balada dos ponteiros. Simon Pagenaud surgiu em quarto no fim, à frente de Kanaan.

Indy, GP de Detroit, Belle Isle, Treino livre 1:


Fonte: Grande Prêmio
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário