USF2000: Telitz usa seus poderes Jedi e vence, Franzoni tira outro pódio da cartola.

Após grande recuperação de uma qualificação não tão boa, o piloto da ArmsUp Motorsports conquista sua primeira vitória.  Mesmo com um carro que não se apresentou tão bem no fim de semana, Victor Franzoni consegue mais um terceiro lugar.

Treinos

O Lucas Oil Raceway teria dois treinos livres, que foram liderados or Telitz, que estreava em ovais.  O piloto chegou a fazer 101,825 mph, apenas meia milha mais lento que os treinos feitos um dia antes. 

Os brasileros Gustavo Myasava (à esquerda) e Vicotr Franzoni (ao centro)
O primeiro treino também mostrou grande desempenho do filho de Tim Cindric (presidente do Team Penske na Indycar), Austin, com o segundo lugar (Pabst Racing, 101,501 mph) e do outro carro da ArmsUp, Peter Portante (101,282 mph).  Ambos os brasileiros não foram a pista no primeiro treino, a equipe Afterburner enfrentou problemas graves em seu bólido e decidiu consertá-los para os colocar na pista.

O segundo treino liderado por Telitz teve como vice-líder Jake Eidson (Cape Motorsports), que se recuperou do mau desempenho no primeiro treino e fez 101,105 mph.  Henrik Furuseth (JAY Motorsports) também se recuperou e fez o terceiro tempo (100,958 mph).  A Afterburner finalmente mostrou sua cara, com Victor Franzoni fazendo o nono tempo (100,579 mph) e Gustavo Myasava fazendo o décimo sétimo tempo (99,119 mph).

Prêmio de Latorre pela pole.
As surpresa dos treinos estavam reservadas para o treino classificatório.  A pole seria definida com cada
carro indo para a pista separadamente, para dar duas voltas rápidas e a melhor média entre as duas voltas largaria na ponta da prova.  E quem fez a melhor média foi Florian Latorre, que não figurou entre os primeiros nos dois treinos e fez a melhor média das duas voltas (103,373 mph).  Cindric repetiu o bom desempenho dos treinos na corrida, e largaria da primeira fila (102,807).  Outros dois pilotos que surpreenderam foram Jeroen Slaghekke (Belardi Auto Racing, 102,699 mph) e Franzoni (102,572 mph), que formariam a segunda fila.  Telitz largaria apenas da sexta posição (102,215 mph) e Myasava também surpreenderia, largando do décimo segundo posto e fazendo média melhor que 100 milhas pela primeira vez (101,261 mph).

Corrida

Largada limpa

 A largada, bem como a corrida toda, foi limpa e todos passaram seguros.  Latorre continuava na ponta seguido por Cindric, Slaghekke, Franzoni.  Clark Toppe (LDC Motorsports) e Telitz ficaram lado a lado até a volta 11, quando Telitz assumiu a quinta posição.  

List, o décimo nono colocado.
Esse foi apenas o primeiro passo ruma à liderança.  Toppe também passou Franzoni (volta 19), Slaghekke (volta 22), e ultrapassou Cindric e Latorre quase em sequência, numa disputa que foi da curva 4 da volta 24 até a curva 1 da volta 25, quando Telitz assumiu a lidernça.

A corrida ia passando, e o desempenho de Latorre ia caindo sensivelmente conforme seus pneus iam desgastando.  Apesar de segurar bastante, Cindric e Franzoni o ultrapassam na vota 36 e após mais dez voltas Latorre perde posições para Slaghekke e Toppe também, sendo relegado ao sexto posto, segurando atrás de si Keyvan Anders Soori, Jake Eidson, Nico Jamin e Peter Portante.

Esses cinco proporcionaram grandes disputas no final da prova, chegando a ficar três carros lado a lado em alguns momentos.  No fim, quem cruzou em sexto foi latorre, seguido por Portante, Soori, Eidson e Jamin.

Lá na frente, os líderes se separaram, e com uma confortável diferença próxima a um segundo e meio, Telitz vence a prova!  Cindric cruza a linha de largada/chegada em segundo, três segundos a frente de Franzoni, que acha novamente um lugar no pódium.  Quase dois segundos atrás, Sleghekke completa na quarta posição e Toppe completa o top 5, sete segundo atrás de Slaghekke e meia volta atrás do líder.

Myasava largou bem, mas RC Enerson (que estava logo a sua frente) errou na curva um, atrapalhando o brasileiro e empurrando ambos para o fim do grid.  Myasava ainda recuperou posições perante Andrew List (D2D Motorsports) e Kyle O'Gara (GBI Racing), para completar em décimo sétimo, uma posição a frente de RC.

Momento Brazzers (da esquerda pra direita):  Latorre, Telitz e Franzoni.


No Campeonato, RC Enerson ainda é o líder, mesmo com três corridas apagadas, acumulando 150 pontos.  Nove pontos atrás vem Latorre, e 21 pontos atrás vem Jake Eidson.  Victor Franzoni acumulou 114 pontos e vem no quarto lugar do campeonato, enquanto Gustavo Myasava possui 19 ontos e é o vigésimo no campeonato.

A próxima etapa é uma rodada dupla nas ruas de Toronto, dias 19 e 20 de Julho.  Mas antes, dia 4 de junho, os pilotos fazem dois dias de treinos coletivos, no Mid-Ohio Sports Car Course.
Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário