40 anos de Long Beach (parte II) - o final épico de '98


Estamos de volta para falar das melhores edições desses 40 anos de GP de Long Beach. Até quinta-feira, vamos dar uma passada rápida nas corridas que marcaram a história da pista. Hoje, falaremos sobre a épica edição do dia 5 de abril de 1998, quando a CART estava em seus dias de glória, quando Helio e Tony eram rookies, quando Al Unser Jr., maior vencedor da pista, ainda estava na Penske e tinha como companheiro o brasileiro André Ribeiro, e quando Bobby Rahal decidiu fazer da temporada de 1998 sua despedida nas pistas.

Então, vamos lá! Mas antes, confira o grid de largada:


AÍ ESTA A LARGADA!!! O pole, Bryan Herta, dispara na frente. Gualter Salles, que largou em quarto, avança para a 3º posição logo na primeira curva. Houve muita confusão no meio do pelotão. Michael Andretti chegou a quase arrancar o seu bico fora quando deu um toque na traseira de Adrian Fernandez. No final, sobrou para Al Unser Jr., que ficou na barreira de pneus da curva 3 após um toque com Scott Pruett. Helinho também foi envolvido.

Volta 5: bandeira verde. Apesar do incidente, Michael parece não ter problemas de rendimento e não troca o bico. Aliás, mostrou sua garra quando passou Fernandez no hairpin. O público delira! Ele fez isso algumas vezes durante a corrida. Gil de Ferran faz sua parada fora da janela normal. 

Volta 14: Gualter Salles estava na 3º posição, porém, não tinha carro pra isso. Andretti passa Salles brilhantemente no hairpin. Novamente, o público vibra! Gualter não suporta a pressão do imenso pelotão que vinha atrás e perde várias posições. Michel Jourdain Jr. bate na barreira de pneus na curva 6. Bandeira amarela.

Volta 19: Bandeira verde! Christian Fittipaldi toca rodas com Paul Tracy, e assim, Tracy decola. Bandeira amarela. Todo mundo para nos pits.

Volta 25: Bandeira verde! JJ Lehto lidera pela primeira vez uma corrida da CART. Castroneves recebe pressão de André Ribeiro, mas fica com a segunda posição e vai pra cima de Lehto. Rahal bate em Andretti no meio do hairpin e fica parado na pista. Bandeira amarela. Lehto, infelizmente, vai para os pits e abandona a corrida.

Volta 29: Castroneves larga na frente e é pressionado por Gil de Ferran. TRAFFIC JAM no hairpin após Hiro Matsushita receber um toque de Gualter. Bandeira amarela e muita confusão.

Volta 35: Bandeira verde! Castroneves e Gil brigam pela liderança. Algumas volta depois, Max Papis e Ribeiro se tocam na primeira curva. Bandeira amarela. Castroneves vai para os pits. Gil assume a ponta.

Volta 40: Bandeira verde! Alex Zanardi passa Andretti pela 3º posição. Michael tem problemas na roda dianteira esquerda e não sabe se vai parar ou não. Gil consegue uma vantagem de mais de 5 segundos na liderança.

Andretti pergunta pra equipe se pode entrar para trocar o pneu, já que parece que ele está se esfarelando rápido demais. A equipe responde, dizendo que os tempos de volta continuam bons. Ele se mantém na pista. 


Volta 56: o pneu de Andretti não aguenta a pressão e explode no curvão da reta de largada. Ele bate no muro e bandeira amarela. Gil, que precisava parar a qualquer momento, aproveita a amarela e vai para os pits.

Volta 63: Bandeira verde! Gil e Castroneves relargam nas duas primeiras posições e ficam disputando a liderança.


Volta 71: Zanardi para nos pits e volta bem na frente dessa briga. Com isso, o pelotão de trás começa a chegar nos dois primeiros, mas os pneus de Zanardi esquentam e ele dispara pra frente.

Volta 87: os dois ficam brigando entre si pela 1º posição, até que Castroneves, num movimento incrível, consegue a liderança na curva 1. Gil perde contato ao quase se enroscar com Jimmy Vasser à frente dele. Castroneves para nos pits.

Volta 90: Gil não precisa parar mais, porém, tem que economizar combustível. Castroneves encosta na barreira de pneus na curva 6. Bandeira amarela local. Algumas voltas depois, Gil tem problemas no câmbio, para nos boxes, aproveita para colocar combustível e retorna à pista. Bryan Herta faz um splash 'n go e Dario Franchitti assume a ponta. Gil abandona algumas voltas depois.

Volta 101: Herta é o líder, seguido por Franchitti. Zanardi também chega junto e ultrapassa Franchitti para ficar com a 2º posição e atacar Herta. As voltas seguintes são eletrizantes!

Volta 104: faltando duas pro fim, Zanardi joga o carro pra cima de Herta, que nem fez em Laguna Seca '96 e Vancouver '97 e consegue a liderança. Franchitti aproveita o embalo e também assume a 2º posição. O público fica de pé e Zanardi vence a prova! Zanardi 3 X 0 Herta.


Pobre Herta...
E aqui está a classificação final:


(clique para visualizar melhor)

E claro, a corrida completa:

https://www.youtube.com/watch?v=nKB8horWTM8

Então é isso, pessoas! Que prova, hein... amanhã tem mais! Aguardem...




Compartilhar no Google Plus

Sobre o Indy Center

Somos um site focado especialmente em Fórmula Indy no Brasil, trazendo as principais notícias da série, além de entrevistas, vídeos e análises das categorias de base.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário